publicidade

Jornal do Brasil

À Sua Saúde – JBlog – Jornal do Brasil

Médicos em campanha para encontrar crianças desaparecidas

Hoje, 18 de outubro, é o dia do médico. Nossa profissão tem estado em evidência nos últimos meses, envolvida em polêmicas de diferentes origens. Mas independentemente de todos os problemas, seguimos com a missão de salvar vidas. Nesse caminho destaco uma campanha que o Conselho Federal de Medicina lançou e que visa contribuir para minimizar o sofrimento de milhões de famílias ao redor do mundo. Batizada como “Médicos em resgate de crianças desaparecidas”, é destinada aos profissionais da saúde e visa colaborar com a identificação dos jovens sumidos. O hot site

O objetivo é que os profissionais colaborem na elucidação dos desaparecimentos, por meio de apoio às autoridades.  Segundo lembra o material do CFM, em algum momento todas as crianças recorrem a um médico. Nesta ocasião, podemos tomar algumas providências, como, por exemplo, observarmos as semelhanças com os pais, sinais de agressão e o comportamento da criança com a família. Outra recomendação é sempre conferirmos os documentos do menor e dos responsáveis.

Além do site disponível em português, espanhol e inglês, cartazes com recomendações foram repassados para postos de saúde, hospitais e delegacias. Participam Brasil, Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Cuba, Equador, México, Paraguai, Peru, Uruguai, Venezuela, Portugal e Espanha

No site há área para que os pais e/ou responsáveis cadastrem casos de desaparecimento. É necessário entrar com dados como: nome completo, sexo, data de nascimento, cor dos olhos, do cabelo e da pele, tipo físico, marcas ou cicatrizes, altura, existência de algum tipo de deficiência ou doença mental, além de foto. Além disso, pode ser informada a circunstância do desaparecimento. Também será solicitado o registro da ocorrência na polícia.

Segundo dados que podemos considerar antigos (1999), apresentados pelo CFM, todos os anos, mais de 200 mil pessoas desaparecem no Brasil. São Paulo, lidera o ranking. Atrás vem o Rio Janeiro. Em São Paulo eram 60 casos de desaparecimentos diários na capital. Para o Ministério da Justiça, são dez mil crianças e adolescentes desaparecidas por ano no país.

Nós, médicos, temos, então, mais uma oportunidade de reforçar nossos compromissos com a população e ajudar a tornar mais felizes famílias por todo o Brasil.

Bom fim de semana a todos.

 

Postado por flaviocure às 18:27

Compartilhe:

Nenhum comentário

Estudo diz que musculação melhora fertilidade masculina

Que os exercícios físicos são fundamentais para uma boa saúde, tenho dito aqui insistentemente.  Essa semana mais um bom motivo para os cuidados com a boa forma: um estudo realizado por pesquisadores da Escola de Saúde Pública de Havard concluiu que os exercícios podem aumentar a contagem de esperma dos homens e, dessa forma, amplia as chances de concepção dos casais.

A coautora do estudo Audrey Gaskins, é estudante de doutorado, informou em texto publicado no Web MD que os homens que praticam musculação ou investem tempo de trabalho ou de exercícios  ao ar livre tendem a ter uma concentração superior à média de espermatozóides no sêmen.

Segundo afirmou, as concentrações chegam a ser 48% maiores para homens que praticam exercícios durante sete horas ou mais por semana, quando comparados aos que se exercitam menos de uma hora por semana. Já aqueles que praticam mais de uma hora e meia semanal e participam de atividades físicas ao ar livre apresentaram uma concentração de 42% maior do que aqueles que passaram sem tempo ao ar livre.

Esse estudo será apresentado esta semana na reunião conjunta da Federação Internacional das Sociedades da Fertilidade e da Sociedade Americana de Medicina Reprodutiva , realizado em Boston.

O estudo avaliou os homens em casais que procuraram tratamento no Massachusetts General Hospital Fertility Center , entre 2006 e 2012. Foram  137 fornecedores de amostras de sêmen, que preencheram questionários sobre seus níveis regulares de atividade física.

A conclusão foi que aqueles que praticam exercícios mais vigorosos, apresentaram maiores níveis de concentração de espermatozoides. Os praticantes de musculação por duas ou mais horas por semana tiveram um aumento de 25 por cento na contagem de esperma em relação aos homens que não levantam pesos .

Portanto, mais uma vez fica a dica.  Boa alimentação e exercícios para uma vida mais saudável.

 

Postado por flaviocure às 22:07

Compartilhe:

Nenhum comentário

Menos barulho, mais saúde

Recentemente moradores de cinco bairros cariocas (Santa Teresa, Flamengo, Botafogo, Urca e Laranjeiras) se viram numa disputa com a Infraero devido às rotas dos aviões que utilizam o aeroporto Santos Dumont, que fica no Centro da cidade do Rio de Janeiro. O principal problema era o excesso de barulho produzido pelas aeronaves, que atrapalhava a rotina daqueles que vivem nessas localidades. Agora surge mais um argumento para que insistam na posição contrária às companhias aéreas. Duas pesquisas, uma feita nos Estados Unidos e outra na Inglaterra, mostram que o barulho dos aviões agravam os riscos de doenças cardíacas.

Os trabalhos foram publicados no British Medical Journal. Segundo os pesquisadores, os barulhos podem provocar estresse e contribuir para a elevação da pressão sanguínea e, dessa forma, gerar doenças cardiovasculares.

Segundo o trabalho, idosos que moram nas rotas dos aviões e são submetido ao barulho acima de 55 decibéis regularmente, têm a possibilidade de internação devido a essa doença 3,5% mais elevada do que para outras pessoas da mesma faixa etária.

Foram analisadas a relação da poluição sonora com a hospitalização em função de doenças cardiovasculares das imediações de 89 aeroportos norte americanos. O estudo abrangeu seis milhões de pessoas com idades de 65 anos ou superior durante o ano de 2009.

Já o estudo inglês foi realizado em Londres com o envolvimento de 3,6 milhões de moradores das imediações do aeroporto de Londres Heathrow. Foram analisados os riscos para doenças cardíacas e derrames. A conclusão foi de que o risco para as doenças aumenta entre 10 e 20%. Segundo este trabalho, as possibilidades desta doença e de morte é maior para uma parcela de 2% da população que vive onde os ruídos das aeronaves são mais altos. Esse trabalho foi coordenado por cientistas do Imperial College e King’s College de Londres.

Como sempre digo esses trabalhos são indicativos. Não são definitivos. Muitos fatores podem estar associados às doenças, mas devem ser levados em consideração. Afinal, são mais do que conhecidos os malefícios do excesso de barulho para a saúde dos animais em geral. Devemos, sim, considerar como perfeitamente factível que pessoas submetidas a estes barulhos fiquem mais estressadas, tenham o sono prejudicado e com isso sobrecarreguem o sistema cardíaco. Portanto, seja nos EUA, na Inglaterra ou aqui no Brasil, as autoridades devem adotar medidas preventivas, para que as pessoas sejam expostas o menos possível ao risco.

No mais vamos diminuir os barulhos em geral e viver com maior tranquilidade.

Bom fim de semana para todos nós.

 

Postado por flaviocure às 18:49

Compartilhe:

Nenhum comentário