publicidade

Jornal do Brasil

À Sua Saúde – JBlog – Jornal do Brasil

O melhor para festas do fim de ano

Nesta semana de preparativos para o Natal vou me arriscar a dar conselhos que beiram a gastronomia. Afinal, essa é uma das questões que os pacientes mais nos perguntam nos consultórios. Todos querem saber o que pode ou não ser comido ou bebido. Se é possível deixar de lado o regime e quais as consequências.

Pois bem, não há mistério. O organismo não distingue a data do calendário. Somos nós que decidimos aquilo que vamos comer ou beber, seja qual for a época do ano. Portanto, se exagerarmos, o corpo vai reclamar.

Aquela mesa farta, cheia de pernis, perus, rabanadas, vinhos, cervejas, espumantes etc é uma tentação e devemos saber lidar com ela ou, o melhor, evitar montá-las. Há opções como  vamos ver.

Atualmente é possível preparar uma ceia saudável e apetitosa com os produtos disponíveis nos mercados, feiras e hortifrútis. É grande a variedade de frutas, verduras e cereais que permitem uma bela mesa que conquista já pelo visual. Mas, calma, podemos botar carne também, claro. Minha sugestão é investir no peru, no tender ou no lombo de porco, por exemplo, em vez de apostar no pernil ou no presunto, mas, se esses forem inevitáveis, consuma em pequenas quantidades.  Há também a opção do bacalhau e de um bom peixe assado.

O acompanhamento para o prato principal pode incluir uma farofa, com opções saudáveis no preparo, como cenoura ralada, uva passa, ameixa, damasco, castanhas ou couve. Dessa forma é possível deixa-la saborosa sem a utilização de bacon, linguiça ou presunto, por exemplo. Vale conferir.

As tradicionais castanhas, nozes e amêndoas, que já elogiei por aqui em função dos benefícios que fazem ao coração, têm seus pontos negativos no fato de serem muito calóricas. Ou seja, para manter a forma é melhor consumi-las em pequenas quantidades, o que fica difícil se são oferecidas como aperitivos. Uma saída é misturá-las no arroz ou na salada.

Essas podem dar um colorido à mesa e ajudar a abrir os apetites. Muitas folhas verdes em diferentes tons, cenoura, tomate, palmito, pimentão, cebola, pepino, rúcula, aipo, cheiro verde, vagem etc. São muitas as opções com rica mistura de fibras, vitaminas e minerais. E, importante, sem necessidade de molhos pesados. Dá para fazer molhos com iogurte e até maionese light.

A sobremesa também pode seguir a linha saúde. Muitas frutas frescas à mesa. Abacaxi, uvas, melancia, pêssego, melão etc. Também é possível em pensar em sorvetes de baixa caloria e nos doces, claro. Mas o melhor é ter poucas opções, pois à tentação é difícil resistir.

Sobre as bebidas, ofereça sucos e água de coco no lugar de refrigerantes. As nossas frutas permitem uma variedade de sabores puros ou misturados. Todos refrescantes e saudáveis. Para as bebidas alcóolicas, seja moderado.

Bom, são orientações gerais para quem pretende aproveitar o Natal e Reveillon da melhor forma e de olho na manutenção da saúde.

Montar uma ceia de primeira e saudável depende de você.

 

Postado por flaviocure às 18:33

Compartilhe:

Nenhum comentário