publicidade

Jornal do Brasil

À Sua Saúde – JBlog – Jornal do Brasil

Os riscos dos suplementos alimentares

Virou quase moda pessoas que desejam perder peso ou ganhar massa muscular recorrerem ao consumo de suplementos alimentares. Aqui no Brasil há estimativas de que a cada ano cresce em torno de 25% a utilização destas substâncias. Mas, como qualquer produto, eles geram efeitos negativos que deveriam ser levados em consideração antes de serem ingeridos. Nesta semana uma pesquisa divulgada nos Estados Unidos indica mais de 23 mil atendimentos médicos de emergência em função de problemas de saúde com eles relacionados.

O estudo realizado por pesquisadores dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) e do Food and Drug Administration (FDA) foi publicado no New England Journal of Medicine, indica que, em media, há 2.154 hospitalizações decorrentes de problemas com os suplementos. Aponta ainda que a maioria dos atendimentos envolve pacientes do sexo feminino, particularmente em função de produtos focados em perda de peso ou energéticos (excluídas as bebidas energéticas, pois estas são classificadas como alimentos ou bebidas e não como suplementos).

Os pesquisadores analisaram dados de 63 hospitais dos EUA referentes ao período entre os anos de 2004 e 2013, para estimarem o número de atendimentos. Puderam identificar diferentes sintomas. Mas a prevalência tanto para aqueles ligados aos pacientes que buscam a perda de peso  ou  fazem uso de produtos energéticos como os focados na  pratica de musculação e estimulantes sexuais, eram os cardíacos, como palpitações e dores no peito. Já problemas mais comuns, associados com micronutrientes, como vitaminas e minerais, foram reações alérgicas ou dificuldade para engolir.

Posso dizer com segurança que só tem esses problemas quem quer, mas seria simplista não oferecer saídas. E a primeira, principal delas, é a de sempre: não ingira nenhuma substância sem a indicação de um profissional médico ou nutricionista. Seu organismo não deve ser tratado como um campo de experiências. Cada pessoa é única e uma mesma substância, seja ela qual for, pode ter efeitos diversos em diferentes pessoas.

Os suplementos têm seus benefícios e podem realmente complementar nutrientes que o organismo não tem capacidade para absorver apenas com a alimentação regular mas devem ser tomados de forma certa.

Além dos efeitos negativos para rins e coração, o excesso de proteínas que pode ficar acumulada no organismo podem gerar problemas como suor excessivo, insônia, dores e cansaço. E para aqueles que não investem na prática física, ainda pode resultar em ganho de peso, pois com o suplemento haverá acréscimo de calorias no organismo.

Portanto, quem deseja ganhar massa muscular ou emagrecer ou qualquer outra coisa, precisa de um programa específico, elaborado para sua realidade, com previsão de exercícios físicos e também de dieta alimentar. Não basta acreditar que basta tomará os suplementos e um novo corpo surgirá. Milagres não existem.

Um bom fim de semana e cuidado com os modismos. Sua saúde vale mais do que eles.

 

Postado por flaviocure às 17:01

Compartilhe:

Nenhum comentário