publicidade

Jornal do Brasil

À Sua Saúde – JBlog – Jornal do Brasil

Câncer de mama e seus tratamentos:

Os tratamentos adjuvante e neoadjuvante são comuns praticamente para todos os tipos de câncer.

Se define adjuvante quando é administrado após um tratamento definitivo, em geral cirúrgico ou, mais raramente, radioterápico.

O tratamento adjuvante pode consistir de:

– Quimioterapia
– Hormonoterapia
– radioterapia
– imunoterapia
– Terapia-alvo

O objetivo principal desses tratamentos é a destruição de focos 
microscópios de células cancerosas que ainda possam permanecer no organismo e não são detectáveis por exames de sangue ou de imagem.
Se define neoadjuvante quando é administrado antes do tratamento definitivo, em geral cirúrgico ou, mais raramente, radioterápico.

O tratamento neoadjuvante pode consistir de:

– Quimioterapia.
– Hormonoterapia.
– radioterapia.
– Terapia-alvo.

No câncer de mama, a terapia adjuvante é a quimioterapia administrada após o procedimento cirúrgico. Características como o estadiamento da doença, idade e estado geral do paciente devem ser levados em conta para um tratamento ideal.

Deve ser decidido se a quimioterapia adjuvante estará acompanhada de uma classe de quimioterápicos denominada de antraciclinas ( potencialmente tóxica para o coração) ou uma segunda classe denominada de taxanos.

A terapia neoadjuvante é utilizada quando o paciente possui um tumor grande e a mastectomia seria necessária. O objetivo dessa terapia é de diminuir o tamanho do tumor de modo a permitir uma cirurgia conservadora.

O resultado estético é melhor e mais bem aceito pelas mulheres.

As medicações nessa terapia são as mesmas usadas no tratamento adjuvante.

Os efeitos colaterais dos tratamentos e medicamentos são:

– Perda de cabelo.
– Feridas na boca
– Perda ou aumento de apetite.
– Náuseas e vômitos.
– Diminuição das taxas sanguíneas.
– Infecções.
– Hematomas ou hemorragias.
– Fadiga.
– Neuropatia.
– Problemas cardíacos.
– Formigamento nas mãos e pés.
– Mal-estar ou cansaço.
– Aftas e diarreia.
– Cólicas abdominais.

Medicamentos de uso rotineiro podem interferir com determinados quimioterápicos.

As medicações utilizadas para o câncer de mama podem causar esterilidade e acelerar o processo da menopausa.

Para mais informações procure o seu médico.

 

 

Fonte: Instituto Vencer o Câncer.
Instituto Oncoguia.

 

Postado por flaviocure às 15:05

Compartilhe:

Nenhum comentário