publicidade

Jornal do Brasil

À Sua Saúde – JBlog – Jornal do Brasil

Você sabe o que é doença de Parkinson?

O mal de Parkinson é uma doença que se origina de uma desordem no sistema nervoso que afeta os movimentos.

Se desenvolve de forma gradual, algumas vezes começando com um leve tremor em uma das mãos.

Outros sintomas iniciais são a rigidez e diminuição da velocidade dos movimentos.

Nos estágios iniciais da doença, a face pode apresentar pouca ou nenhuma expressão e os braços podem não se mover ao caminhar. A fala pode ser alterada também, ficando mais arrastada e suave.

Os sintomas pioram à medida que a doença evolui.

Não existe cura para o mal de Parkinson, porém remédios podem reduzir os sintomas. Em alguns casos até a cirurgia pode ser indicada.

Os sintomas podem variar:

 

– Tremor. Nos membros, mesmo estando relaxados.

– Diminuição na velocidade do movimento.

– Músculos enrijecidos.

– Postura e equilíbrio prejudicados.

– Perda de movimentos automáticos. Essa condição pode diminuir a habilidade de executar movimentos inconscientes como piscar, sorrir ou mexer os braços enquanto anda.

– Mudanças na fala.

– Mudanças na escrita.

No mal de Parkinson, certas células nervosas no cérebro gradualmente se quebram e morrem. Muitos dos sintomas estão relacionados a perda de neurônios que produzem mensagens químicas no cérebro (dopamina). Quando o nível de dopamina diminui, a atividade cerebral fica anormal, causando o mal de Parkinson.

Causas:

 

– Genética.

– Gatilhos ambientais. Toxinas ou fatores ambientais.

– Presença de corpos de Lewy. Aglomerados de substâncias microcópias específicas no cérebro.

– Alfa-sinucleína. Proteína encontrada nos corpos de Lewy.

Fatores de risco:

 

– Idade. A doença geralmente se desenvolve em pessoas com mais de 60 anos.

– Hereditariedade. Ter parentes com o mal de Parkinson aumenta a chances de se ter a mesmo.

– Sexo. O mal de Parkinson é mais comum em homens.

– Exposição a toxinas. Grande exposição a herbicidas e pesticidas podem resultar no mal de Parkinson.

Complicações:

 

– Problemas em raciocinar.

– Depressão e mudanças emocionais.

– Problemas para engolir.

– Problemas e desordens do sono.

– Problemas na bexiga.

– Constipação.

– Mudanças na pressão sanguínea.

– Fadiga.

– Dor.

– Disfunção sexual.

Não existe teste específico para determinar o mal de Parkinson. O médico irá avaliar o histórico e sintomas do paciente. Poderão ser pedidos exames para descartar outras doenças.

O mal de Parkinson pode demorar para ser diagnosticado.

Não existe cura para essa doença, porém medicamentos podem ajudar os sintomas ( em alguns casos até a cirurgia pode ser indicada).

Algumas mudanças no estilo de vida também podem ajudar a melhorar os sintomas.

O tratamento alternativo também pode ser benéfico. Esse tipo de tratamento inclui massagem, acupuntura, yoga, meditação entre outros.

A causa do mal de Parkinson ainda é desconhecida, contudo estudos apontam que a cafeína pode ajudar a prevenir essa doença.

Exercícios aeróbicos regulares também podem reduzir a chance de se desenvolver essa condição.

Para mais informações procure o seu médico.

Um bom final de semana para todos!

 

Fonte:MAYOCLINIC.

Postado por joaoflavio às 14:04

Compartilhe:

Nenhum comentário