publicidade

Jornal do Brasil

À Sua Saúde – JBlog – Jornal do Brasil

Você tem Sopro no Coração?

Durante o exame físico, o médico irá escutar o seu coração com um estetoscópio. Serão analisados os sons que as válvulas do coração emitem quando o sangue circula.

Normalmente o batimento cardíaco tem dois tipos de som (bulha), o primeiro som cardíaco (primeira bulha cardíaca) e o segundo som cardíaco (segunda bulha cardíaca). Esses sons são produzidos pelo fechamento das válvulas atrioventriculares e válvulas semilunares respectivamente.

O sopro no coração é um som sibilante, parecido com um assobio, que ocorre quando existe fluxo anormal de sangue na válvula cardíaca.

Causas:

A causa mais comum do sopro no coração é a doença cardiovascular.

– Estenose da válvula. Válvula estreita e endurecida que limita o fluxo do sangue na mesma.

– Regurgitação da válvula. Válvula que não se fecha completamente, permitindo o refluxo sanguíneo.

Mudanças anormais nas válvulas também podem causar o sopro no coração.

Outras causas:

– Cardiomiopatia hipertrófica.

– Defeito septal.

Causas Funcionais:

O sopro no coração também pode ser causado por um aumento do fluxo sanguíneo na válvula cardíaca relacionado à outras condições médicas.

– Anemia.

– Hipertireoidismo.

Sopro inocente:

O sopro inocente não está relacionado à nenhuma doença ou problema no coração. Não é prejudicial à saúde e pode surgir e sumir sem motivo aparente.

Situações que podem causar o sopro inocente:

– Febre.

– Atividade física.

– Nível baixo de glóbulos vermelhos.

– Fases de crescimento como a adolescência.

– Hipertireoidismo.

O sopro inocente é comum em crianças e grávidas.

Sopro Patológico:

A causa mais comum para sopros cardíacos patológicos em crianças é o nascimento acompanhado de problemas estruturais no coração.

Em adolescentes e adultos, o sopro geralmente se desenvolve devido à uma infecção ou condição que danificou a estrutura cardíaca.

É importante se fazer exames físicos regulares para a detecção de sons anormais no coração. Se o sopro for diagnosticado, mais exames serão necessários para que se determine quais válvulas estão envolvidas e a gravidade da situação.

Sintomas:

– Pele azulada, principalmente nas pontas dos dedos e lábio.

– Inchaço ou ganho súbito de peso.

– Falta de ar.

– Tosse crônica.

– Fígado dilatado.

– Veias do pescoço dilatadas.

– Falta de apetite.

– Problemas de crescimento.

– Suor excessivo.

– Dor no peito.

– Tonteiras.

– Desmaios.

Somente o sopro patológico apresenta sintomas.

Se você possui sopro cardíaco patológico:

– Informe a todos os seus médicos e dentista sobre sua condição.

– Ligue imediatamente para o seu médico se sintomas de infecção forem sentidos.

– Tome cuidado extra com a saúde e limpeza dos dentes e gengiva.

– Tome antibióticos antes de passar por qualquer procedimento que envolva sangramento.

A prevenção de infecção da válvula cardíaca é uma constante para quem possui o sopro patológico cardíaco.

Para mais informações procure o seu médico.

FONTE:CLEVELANDCLINIC/MAYOCLINIC.

Postado por joaoflavio às 14:46

Compartilhe:

Nenhum comentário