publicidade

Jornal do Brasil

À Sua Saúde – JBlog – Jornal do Brasil

Atualização sobre Osteoporose:

A osteoporose é uma doença que afina e enfraquece os ossos. Seus ossos se tornam frágeis e quebram com facilidade, especialmente os ossos do quadril, da coluna e do punho.

Qualquer pessoa pode desenvolver osteoporose, mas é mais comum em mulheres idosas. Fatores de risco incluem:

– Idade.

– Ser pequeno e magro.

– Ter um histórico familiar de osteoporose.

– Certos medicamentos.

– Mulheres brancas ou asiáticas.

– Ter baixa densidade óssea.
As fraturas resultantes da osteoporose tornam-se cada vez mais comuns em mulheres após os 55 anos de idade e em homens após os 65 anos de idade, resultando em morbidades associadas aos ossos e aumento nos custos de mortalidade e assistência médica.

Os avanços da pesquisa levaram a uma avaliação mais precisa do risco de fratura e aumentaram a gama de opções terapêuticas disponíveis para prevenir fraturas.

Algoritmos de risco de fratura que combinam fatores de risco clínicos e densidade mineral óssea são agora amplamente utilizados na prática clínica para direcionar indivíduos de alto risco para o tratamento.

A descoberta das principais vias reguladoras da reabsorção e formação óssea identificou novas abordagens para o tratamento com mecanismos de ação distintos.

A osteoporose é uma condição crônica e a gestão de longo prazo, às vezes vitalícia.

Em indivíduos com alto risco de fratura, o perfil de benefício versus risco provavelmente será favorável por até 10 anos de tratamento com bisfosfonatos ou denosumabe.

Em pessoas com risco muito alto ou iminente de fratura, a terapia com teriparatida ou abaloparatide deve ser considerada; entretanto, como a duração do tratamento com essas drogas é restrita a 18 a 24 meses, o mesmo deve ser continuado com um medicamento antirreabsortivo.

A entidade fiscalizadora americana Food and Drug Administration (FDA) aprovou um novo tratamento para a osteoporose(2019) em mulheres na pós-menopausa com alto risco de fraturas ósseas.

A FDA anunciou nessa última terça-feira que a droga, chamada romosozumab, que tem o nome da marca Evenity, funciona principalmente por impulsionar a formação óssea e é aprovada para tratar a osteoporose em mulheres com história de fratura osteoporótica ou múltiplos fatores de risco para fratura. O remédio também é indicado para pacientes que não recebem benefícios de outros tipos de terapias de osteoporose.

A osteoporose é uma doença silenciosa. Você pode não saber que tem até que você quebre um osso.

Um teste de densidade mineral óssea é a melhor maneira de verificar sua saúde óssea.

Para manter os ossos fortes, coma uma dieta rica em cálcio e vitamina D, faça exercícios e não fume.

Se necessário, os medicamentos também podem ajudar. Também é importante tentar evitar cair. As quedas são a causa número um de fraturas em adultos mais velhos.

Fonte:MEDLINEPLUS/THELANCET/MEDICALNEWSTODAY.

Postado por joaoflavio às 16:32

Compartilhe:

Nenhum comentário