Publicidade

Jornal do Brasil

Botafogo – JBlog – Jornal do Brasil

Advogado e desembargador juntos na tentativa de desestabilizar o Botafogo justamente na semana do jogo contra o Flamengo

57 comentários

 

Reprodução

 

Muito estranho. Uma notícia saiu hoje num blog global, outra em 2002 no site do Estado de S. Paulo. As duas são linkadas por um nome: o do desembargador Fernando Antonio Zorzenon da Silva. Fontes do Blog garantem que o advogado é o mesmo que entrou com o processo para Daniel sair do Botafogo no final do ano passado e representou o Clube de Regatas Flamengo na área trabalhista contenciosa por vários anos. E ainda postou na página dele no linked a noticia de queconseguiu suspender o Fogão do Ato”. Já o desembargador, na época em que era juiz, beneficiou o Mengo num ato trabalhista contra o ex-zagueiro Gamarra.

Longe de mim insinuar qualquer coisa. Só acho a coincidência esquisita.

Leiam e tirem as conclusões. Muito estranho, muito estranho.

Postado por paulocesar  | Comentar

Compartilhe:

Será que agora vai, Jobson?

16 comentários

Reprodução: lancenet

Mais um partidaço do Jobson. Não apenas pelo gol. Jogou muito, driblou muito. O time começa a ser montado e a incomodar. O Botafogo tem o maior goleiro do Brasil, os dois laterais são do nível de todos que têm por aí e o experiente Luis Ricardo é uma boa opção. Marcelo Mattos, Arão, essa grande surpresa que é o Fernandes, Diego Jardel e cia também podem dar liga. No ataque Jobson, o tanque Bill (uma espécie de Brocador em Mídia a favor). E ainda tem o Pimpão que estava jogando bem antes de se machucar e essa incógnita chamada Pimentinha. Também estou fazendo fé nesse cara. Só me incomoda um pouco a zaga. Mas pode melhorar também.

E parabéns ao Renê Simões que, inegavelmente, está fazendo um bom trabalho.

Agora é enfrentar o time do Sistema.

A bola é de vocês.

Postado por paulocesar  | Comentar

Compartilhe:

O Flamengo que todo mundo vê x o Flamengo que a torcida flamenguista vê

10 comentários

Ao alto, o Framengo que todo mundo vê. Acima, o Framengo que framenguista vê.

Este post não é pra falar de Framengo. É pra falar de Botafogo.

E a Grande Mídia e os fanáticos torcedores do Framengo não têm limites. Estão enlouquecendo. Na quarta, o Botafogo jogou contra o Friburguense em Friburgo e o som que se ouviu na transmissão do pay-per-view foram os gritos do treinador do Friburguense. No dia seguinte, o Framengo jogou num Maracanã vazio e o que se ouviu na transmissão parecia o de um estádio lotado. Até quando vão manipular as pessoas com essas armações. Pior: a Mídia nega e seus torcedores acreditam que o Framengo é uma espécie de Borussia do Brasil.

Postado por paulocesar  | Comentar

Compartilhe:

Eu sempre fui Botafoguense e agora sou (de novo) Botafogo

46 comentários

Eu agora sou Botafogo. Resolvi apostar na nova diretoria para ajudar o Botafogo. Por enquanto escolhi um plano que cabe no meu bolso. Não sou sócio do clube. Sempre fui torcedor de arquibancada. Quando Bebeto assumiu comprei um desses títulos mas o projeto não foi adiante. Vamos ver se agora funciona. Vamos fazer a nossa parte.

Postado por paulocesar  | Comentar

Compartilhe:

Carta aberta ao Presidente do Botafogo, Carlos Eduardo Pereira

23 comentários

Presidente

Não sou sócio do Botafogo, não sou eleitor do Botafogo. Sou apenas o que sempre fui: um torcedor de arquibancada. Como humilde blogueiro que sou, não apoiei ninguém nas últimas eleições, mas agradeço a gentileza de quase todos que prestigiaram o lançamento do livro do Jogo do Senta, que aconteceu justamente na época das eleições. Inclusive o senhor, que fez a gentileza de desviar a sua rota, que era a participação do debate na Rádio Manchete, e ir até a Livraria da Travessa Botafogo, adquirir um exemplar do livro e me dar um abraço.

Deixando as questões pessoais de lado, um apelo. É preciso dar um NÃO rotundo a essas molecagens contra o Botafogo. A torcida não aguenta mais. É inadmissível que uma instituição centenária e com a importância que tem no cenário futebolístico brasileiro e mundial seja enxovalhada ano a ano por gente como esse RODRIGO NUNES DE SÁ. Os botafoguenses não aguentam mais serem desrespeitados por árbitros, bandeirinhas, federações etc. Não vou perder tempo aqui relembrando casos do passado e gente como personas non gratas como MARCELO DE LIMA HENRIQUE, Djalma Beltrami e Hilton Moutinho, José Marçal Filho e muitos mais. Os árbitros não respeitam o Botafogo há anos. É preciso dar um Basta a isso. O Botafogo tem que ser respeitado, se fazer respeita e se impor junto a essa gente e a essas federações. Todas. CBF, carioca, de árbitros etc e tal.

O que RODRIGO NUNES DE SÁ fez ontem com o Botafogo tem que ser avaliado. Ele tem que ser punido. Quando soube que ele ia apitar quase desliguei a tv. Era previsível o que aconteceu. Pra início de conversa o Botafogo não poderia ter aceitado a indicação desse cidadão. Especialmente pelo que ele fez em 2009 ao ignorar as agressões e ameaças do jogador do Flamengo Juan ao botafoguense Maicosuel. Todos viram e também não cabe aqui relembrar. Sabemos inclusive o que aconteceu graças àquele jogo.

O mínimo que a torcida do Botafogo espera é que seja feita ainda hoje, dia 5 de fevereiro de 2015, uma representação contra esse árbitro e um dos bandeirinhas na federação. O silêncio não é a atitude correta. Leve o teipe da partida, os recortes de sites e jornais. Errou, tem que ser punido. Por muito menos nossos adversários já fizeram isso. E também não cabe aqui recordar. São sempre os mesmos os beneficiados, é sempre o mesmo o prejudicado.

Depois os dirigentes não entendem a razão da ausência da torcida botafoguense nos estádios. Eu mesmo estava animado em ir sábado ao Estádio Nilton Santos. O que aconteceu ontem desanimou um pouco.

Até quando, Presidente? Até quando, Presidente?

Chegou a hora de agir.

O Botafogo e seus torcedores têm que ser respeitados.

Grande abraço.

Reprodução tv

Reprodução

Reprodução O Globo

Rodrigo Nunes de Sá (reprodução)

Reprodução tv

Postado por paulocesar  | Comentar

Compartilhe:

Todo ano eles fazem tudo sempre igual

26 comentários

Falem sério.

Se alguém estivesse fora do Brasil há alguns anos,desembarcasse no Aeroporto e ouvisse que na primeira rodada do campeonato Carioca a torcida de um dos quatro grandes invadiu o vestiário do time adversário, agrediu jogadores e saqueou tudo o que viu pela frente que time esse alguém diria que foi.

Pois é. Começou tudo de novo. O Botafogo ganhou com dificuldades, mas na bola, sem irregularidades ou jogadinhas extra-campo. Fluminense e Vasco também ganharam com a bola rolando. Mas um deles – o de sempre – começou o campeonato tumultuando. No dia anterior seu presidente com cara de fuinha já havia arrumado confusão na Federação.

Como sempre, muitas desculpas. Já andaram falando até em conspiração. Só muito louco ou muito fanático para achar que Ricardo Berna armaria todo o circo que se viu. Teve gaiato dizendo que o goleiro se cortou fazendo a barba. Compararam até, pasmem, com a farsa do goleiro chileno Rojas. Meu Deus! Seria cômico se não fosse sério. O objetivo por trás disso tudo é o de sempre também: pressionar adversários e torcidas adversárias, arbitragens, federações, imprensa.

Enfim. É bom botar as barbas de  milho. Marcelo de Lima Henrique não apita mais no Rio, mas essa gente faz de tudo para conseguir as coisas.

O JBlog do Botafogo estará atento como sempre.

Fim de férias. Obrigado A Ramos e demais amigos que cobraram mais participação do nosso Blog.

Postado por paulocesar  | Comentar

Compartilhe:
Publicidade
Publicidade
Assine o RSS