Publicidade

Jornal do Brasil

Cabo Frio JB News

Cabo Frio vai participar de evento internacional de dança

Pela primeira vez a Região dos Lagos participará de um mega evento internacional de dança, o International Zouk Flash Mobile (IZFM), que em sua segunda edição (em 2013) reuniu cerca de 45 países e mais de 130 cidades de todo o mundo, entre elas 17 brasileiras como São Paulo, Rio de Janeiro, Fortaleza, Manaus, Vila Velha, Cuiabá, Jundiaí, Teresópolis e Porto Alegre entre outras. A representação será feita pelo município de Cabo Frio, através do professor de dança Allan Lobato, contará com cerca de 300 dançarinos profissionais e amadores, e contará com apoio da Associação Comercial, Industrial e Turística de Cabo Frio (Acia), já que um dos objetivos do evento é divulgar as cidades participantes para todo o mundo através da dança.

– Entendemos que um evento deste porte, que vai reunir centenas de cidades de todo o mundo, e que vai divulgar essas cidades através da dança, tem tudo para ajudar a alavancar o turismo de qualidade que tanto queremos para nossa região, e por isso estamos apoiando esse projeto – comentou o presidente da Acia, Walmir Porto.

O IZFM surgiu em 2012, e já nasceu grande, reunindo 33 países e 85 cidades. A ideia partiu do australiano Zouk Bob, depois que dois professores australianos organizaram uma primeira ação desse tipo em Perth, Austrália, cidade onde eles dirigem uma academia de dança. Em seguida, Zouk Bob mostrou o vídeo do flashmob a Remy Dancedevil e, juntos, decidiram expandir a iniciativa em nível mundial.

A apresentação oficial do projeto acontece na Rússia, no dia 21 de setembro, Dia Internacional da Paz, com a exibição do vídeo feito por dançarinos de todas as cidades inscritas apresentando a mesma música e a mesma coreografia (geralmente em grandes áreas abertas), independente de língua, cor, religião, sexo ou estilo. Os primeiros preparativos para o evento deste ano já começaram, com a escolha da música e da coreografia que serão utilizadas por todos os países participantes.

– Fiquei muito feliz pelo convite de representar Cabo Frio neste mega evento de dança. É uma oportunidade única de divulgar não apenas o Zouk como as cidades participantes, porque a ideia principal do projeto é mostrar que dança e turismo tem tudo haver, tanto que um dos requisitos para a participação é que a coreografia seja apresentada e filmada num ponto de turístico. Estamos pensando em fazer na Praia do Forte com cerca de 300 pessoas de todas as idades, com ou sem experiência em dança – explicou o professor Allan Lobato, que já começou a receber inscrições em sua academia (Rua José Bonifácio, 224 – 3º andar – Centro, Cabo Frio). “Quem quiser participar, é só doar duas latas de leite em pó” – convocou Allan Lobato, que espera conquistar, ainda, apoio da Prefeitura Municipal e de outras empresas da cidade.

 

Compartilhe:
Comentar
Assine o RSS
Publicidade
Publicidade
?>