Publicidade

Jornal do Brasil

Cabo Frio JB News

Chacina de Vigário Geral será lembrada em Cabo Frio com projeção de filme

Nesta sexta-feira (29/8) completa 21 anos do massacre de Vigário Geral no Rio de Janeiro.  Em agosto de 1993 um grupo de homens encapuzados e fortemente armados invadiu a favela de Vigário Geral.  O resultado foi a chacina de 21 pessoas  da comunidade mortas a tiros. Depois foi confirmado que a execução dos trabalhadores foi comandada por grupo de Policiais Militares que queriam vingar a morte de policiais dias antes.

Em Cabo Frio, a data será lembrada com a projeção do filme “Lembrar para Não Esquecer” do cineasta Milton Alencar Jr. Após a projeção,  o advogado Carlos Magno convida o desembargador José Muinos Piñeiro então promotor do caso que condenou  quatro policiais das 52 pessoas denunciadas entre 47 PMs, 3 policiais civis e 2 informantes.

– O desembargador aceitou nosso convite e estará em Cabo Frio para conversar sobre o massacre -, disse o advogado Carlos Magno que é conhecido por defender prefeitos e o ex-jogador Romário.

– A sociedade não pode abrir mão de discutir os rumos da violência no país. Por isso, teremos advogados, juristas e o desembargador do caso que foi convidado especialmente pelo Dr. Magno – disse Milton enquanto conferia as instalações da Sala de Projeção da Casa Scliar na Orla Scliar centro de Cabo Frio.

O prefeito Alair Corrêa e demais autoridades foram convidadas a participar deste evento.

Serviço:

Projeção às 19h.

Entrada franca mediante convite

Local: Cine Scliar Sala Nelson Pereira dos Santos. Orla Sclair – ao lado da Casa Scliar .

Advogados, juristas, cineastas e sociedade vão debater os rumos da violência no país

 

Compartilhe:
Comentar
Assine o RSS
Publicidade
Publicidade
?>