Publicidade

Jornal do Brasil

Cabo Frio JB News

ViaLagos tem operação especial para o feriado do Dia do Trabalhador

A partir da zero hora desta sexta-feira (28/04), a CCR ViaLagos estará com as suas equipes e viaturas reforçadas para atender ao aumento do fluxo de veículos na rodovia durante o feriado do Dia do Trabalhador, na próxima segunda-feira (01/05). A expectativa é que 124 mil veículos passem pela ViaLagos entre amanhã e a terça-feira (02/05). Os dias de maior fluxo na ida para a Costa do Sol serão sexta e sábado (29/04), quando são esperados 24 mil e 30 mil veículos, respectivamente.

Serão cinco dias de operação especial, com todo o efetivo do SOS Usuário Médico e Mecânico da Concessionária atuando 24 horas em regime de plantão. Para garantir ainda mais rapidez nos atendimentos e na liberação das pistas em caso de ocorrências, as equipes ficarão baseadas em pontos estratégicos da rodovia com viaturas de inspeção, guinchos e ambulâncias UTI e de resgate.

A ViaLagos também conta câmeras de monitoramento do tráfego ao longo da via e três bases de atendimento ao usuário: duas localizadas no sentido Região dos Lagos, nos quilômetros 22 (Rio Bonito – ao lado da praça de pedágio) e 40 (Araruama), e uma no sentido Rio de Janeiro, no km 56 (São Pedro da Aldeia). Nesses locais, há equipes e viaturas da Concessionária, e banheiros 24h.

Durante todo o feriadão, a Polícia Militar Rodoviária intensificará as fiscalizações na rodovia com radares móveis para coibir o excesso de velocidade e proporcionar mais segurança. Os locais de fiscalização estarão devidamente sinalizados. Painéis eletrônicos de mensagens orientarão sobre as fiscalizações, segurança e eventuais incidentes na ViaLagos.

É recomendável que o motorista, antes de viajar, verifique as condições gerais do veículo como as lanternas e faróis, calibragem dos pneus, filtro de ar e os níveis de água e óleo do motor e também o de combustível. É importante obedecer à sinalização e os limites de velocidade da rodovia para evitar acidentes.

Na volta do feriadão, a previsão é de que 34 mil veículos passem pela ViaLagos na segunda (01/05), e outros 19 mil na terça-feira (02/05).

Previsão de fluxo de veículos na ViaLagos para o feriado (Sentidos Rio de Janeiro e Costa do Sol):

Sexta-feira (28/04): 24 mil veículos

Sábado (29/04):  30 mil veículos

Domingo (30/04): 17 mil veículos

Segunda-feira (01/05) – 34 mil veículos

Terça-feira (02/05) – 19 mil veículos

Total: 124 mil veículos

 

Compartilhe:
Comentar

Homem morre durante perseguição policial em Macaé

Um homem morreu baleado durante perseguição iniciada após denúncia do roubo de um carro recebida pela Polícia Militar. O caso aconteceu na localidade de Córrego do Ouro, em Macaé. Segundo informações do 32º Batalhão da PM, seis suspeitos estavam em dois carros e uma moto. Ao todo, três pessoas ficaram feridas, um fugiu e um menor de idade foi apreendido.

O homem que morreu estava no Ford Ka roubado, de onde um outro suspeito fugiu depois que o veículo tombou durante a perseguição. No Gol, utilizado no roubo, estavam outros dois homens, sendo um adolescente, que fugiram em direção ao Centro de Macaé, onde foram detidos. Durante a ação, os policiais ainda receberam informações de que três homens deram entrada no hospital Municipal de Trapiche com ferimentos a balas. A suspeita é que eles ocupavam o outro carro envolvido.

O corpo do homem, que estava sem documentos e ainda não foi identificado, foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Macaé. O caso registrado na 128ª Delegacia de Polícia.

De acordo com a PM, a equipe em patrulhamento foi informada de que homens em um Gol Branco e em uma motocicleta Honda Falcon teriam roubado um Ford Ka em Trapiche. O dono do carro disse aos PMs que viu o veículo roubado seguindo em direção ao Córrego do Ouro.

Após montagem de um cerco na região, os veículos foram vistos na RJ-162, e os motoristas não obedeceram à ordem de parada dos agentes. Na perseguição, houve troca de tiros, e o Ford Ka tombou no acostamento da via. Segundo a PM, um homem fugiu pela mata, e o Gol Branco seguiu em direção à região central de Macaé, onde foi abordado.

 

corpo do homem foi achado no carro tombado em Macaé (Foto: Polícia Militar/Divulgação)

Compartilhe:
Comentar

Motorista de caminhão-pipa é morto a tiros em Búzios

Segundo a polícia motorista foi morto a tiros em  Geribá. (Foto: Bebeto Karolla/Folha de Búzios)

O motorista de um caminhão-pipa, de 57 anos, foi morto a tiros na manhã de terça-feira (25) em Búzios. Segundo a Polícia Civil, o crime aconteceu pela manhã, quando Edimar Oliveira de Souza abastecia uma pousada em Geribá. De acordo com a polícia, o suspeito efetuou cerca de sete disparos e fugiu andando.

Ele teria percorrido aproximadamente 300 metros a pé. Em seguida, rendeu o motorista de uma moto, que levava a filha para a escola, e fugiu com o veículo. O caso foi registrado na 127ªDP. A polícia já solicitou imagens de câmeras de segurança instaladas próximas ao local do crime, mas ainda não tem suspeito do assassinato.

Compartilhe:
Comentar

Balanço do feriado de Tiradentes na ViaLagos

Mais de 95 mil veículos passaram pela ViaLagos no feriado de Tiradentes, entre a última quinta-feira (20/04) e ontem (23/04). A quinta e a sexta-feira foram os dias de maior fluxo em direção à Costa do Sol, com 23 mil e 26 mil veículos, respectivamente. Também foi intensa a movimentação de volta para casa neste domingo, com a passagem de 30 mil veículos. Neste momento, o trânsito segue tranquilo em direção ao Rio. A previsão para hoje é de que 21 mil veículos passem pela rodovia até a meia-noite.

Em quatro dias de operação especial, as equipes do serviço SOS Usuário da CCR ViaLagos realizaram 113 atendimentos mecânicos. Do total de veículos atendidos, 42 tiveram os problemas resolvidos na própria pista e 71 foram rebocados. Foram registrados 3 acidentes no período, todos sem gravidade.

Compartilhe:
Comentar

ViaLagos opera em esquema especial para o feriado de Tiradentes

Desde a madrugada desta quinta-feira (20/04), a CCR ViaLagos está com as suas equipes e viaturas reforçadas para atender ao aumento do fluxo de veículos na rodovia durante o feriado de Tiradentes. A expectativa é que 135 mil veículos passem pela ViaLagos entre hoje e a segunda-feira (24/04). Os dias de maior fluxo na ida para a Costa do Sol serão quinta e sexta-feira (21/04), quando são esperados 31 mil e 26 mil veículos, respectivamente.

Serão cinco dias de operação especial, com todo o efetivo do SOS Usuário Médico e Mecânico da Concessionária atuando 24 horas em regime de plantão. Para garantir ainda mais rapidez nos atendimentos e na liberação das pistas em caso de ocorrências, as equipes ficarão baseadas em pontos estratégicos da rodovia com viaturas de inspeção, guinchos e ambulâncias UTI e de resgate.

A ViaLagos também conta câmeras de monitoramento do tráfego ao longo da via e três bases de atendimento ao usuário: duas localizadas no sentido Região dos Lagos, nos quilômetros 22 (Rio Bonito – ao lado da praça de pedágio) e 40 (Araruama), e uma no sentido Rio de Janeiro, no km 56 (São Pedro da Aldeia). Nesses locais, há equipes e viaturas da Concessionária, e banheiros 24h.

Durante todo o feriadão, a Polícia Militar Rodoviária intensificará as fiscalizações na rodovia com radares móveis para coibir o excesso de velocidade e proporcionar mais segurança. Os locais de fiscalização estarão devidamente sinalizados. Painéis eletrônicos de mensagens orientarão sobre as fiscalizações, segurança e eventuais incidentes na ViaLagos.

135 mil veículos devem passar pela rodovia a partir desta quinta-feira (20/04)

Compartilhe:
Comentar

TRE cassa mandatos da Prefeita e vice-prefeito de Araruama

O Tribunal Regional Eleitoral publicou a cassação da prefeita de Araruama, na Região dos Lagos, Lívia de Chiquinho (PDT), e do vice-prefeito Marcelo Amaral (PRB), nesta segunda-feira (17). De acordo com o decreto, Lívia está inelegível durante quatro anos, a partir do momento da publicação. Ainda cabe recurso da decisão.

O TRE atendeu ao pedido de cassação após denúncias de que o ex-prefeito, atualmente inelegível, Francisco Ribeiro, marido da prefeita Lívia de Chiquinho, teria função ativa na Prefeitura da cidade. Ainda de acordo com a sentença do TRE, novas eleições municipais terão que acontecer no dia seguinte à publicação caso a prefeita não recorra.

Em nota, a Prefeitura de Araruama informou que a prefeita e o vice-prefeito vão recorrer da decisão e, enquanto isso, eles continuarão no cargo.

Prefeita e vice-prefeito foram cassados em 1ª instância (Foto: Facebook/Reprodução)

Compartilhe:
Comentar

ViaLagos opera em esquema especial para a Semana Santa

A partir da zero hora desta quinta-feira (13/04), a CCR Via Lagos estará com as suas equipes e viaturas reforçadas para atender ao aumento do fluxo de veículos na rodovia durante o feriado da Semana Santa. A expectativa é que 140 mil veículos passem pela Via Lagos entre amanhã e a segunda-feira (17/04). Os dias de maior fluxo na ida para a Costa do Sol serão quinta e sexta-feira, quando são esperados 33 mil e 27 mil veículos, respectivamente.

Serão cinco dias de operação especial, com todo o efetivo do SOS Usuário Médico e Mecânico da Concessionária atuando 24 horas em regime de plantão. Para garantir ainda mais rapidez nos atendimentos e na liberação das pistas em caso de ocorrências, as equipes ficarão baseadas em pontos estratégicos da rodovia com viaturas de inspeção, guinchos e ambulâncias UTI e de resgate.

A ViaLagos também conta câmeras de monitoramento do tráfego ao longo da via e três bases de atendimento ao usuário: duas localizadas no sentido Região dos Lagos, nos quilômetros 22 (Rio Bonito – ao lado da praça de pedágio) e 40 (Araruama), e uma no sentido Rio de Janeiro, no km 56 (São Pedro da Aldeia). Nesses locais, há equipes e viaturas da Concessionária, e banheiros 24h.

Durante todo o feriadão, a Polícia Militar Rodoviária intensificará as fiscalizações na rodovia com radares móveis para coibir o excesso de velocidade e proporcionar mais segurança. Os locais de fiscalização estarão devidamente sinalizados. Painéis eletrônicos de mensagens orientarão sobre as fiscalizações, segurança e eventuais incidentes na Via Lagos.

140 mil veículos devem passar pela rodovia a partir desta quinta-feira (13/04)

 

Compartilhe:
Comentar

FIRJAN e prefeitos defendem manutenção de incentivos fiscais para retomada do crescimento do Rio de Janeiro

O Sistema FIRJAN reuniu, nesta segunda-feira (10), 12 representantes de municípios fluminenses, entre prefeitos, vice-prefeitos e secretários, para debater a importância da manutenção dos incentivos fiscais no estado do Rio. Pesquisa feita pela Federação com quase 200 indústrias do estado mostra que, caso os incentivos sejam suspensos, nove entre dez empresas planejam fazer demissões e mais da metade encerraria as atividades no Rio de Janeiro. Nos próximos três anos os investimentos programados para os municípios fluminenses com regime tributário diferenciado somam R$ 42,6 bilhões, projetos que podem ser cancelados ou transferidos. Todos os estados brasileiros utilizam incentivos fiscais para atrair investimentos.

O presidente do Sistema FIRJAN, Eduardo Eugenio Gouvêa Vieira, lembrou ainda que a vinda de novas empresas fez com que a arrecadação do ICMS mais que dobrasse em 51 municípios fluminenses, em apenas seis anos. “A extinção dos incentivos fiscais ou sua abrupta redução não vai penalizar só os empresários, os municípios também vão sofrer. As empresas programaram seus investimentos diante do cenário em que receberam os incentivos fiscais. Sem incentivos, essas empresas vão migrar para os estados vizinhos, que continuarão oferecendo vantagens tributárias para fisgar novos investimentos. E lá se vão os empregos e a renda da população das cidades fluminenses, renda que move a economia, não só a indústria, mas o comércio e os serviços. Com a fuga das indústrias, virá o empobrecimento das cidades”, reiterou.

Nos últimos anos, mais de 230 indústrias se instalaram no interior fluminense, gerando quase 100 mil empregos de carteira assinada. Diversas cidades passaram por uma verdadeira transformação com a política de incentivos fiscais. Entre 2008 e 2014, Saquarema arrecadou mais de R$ 10,3 milhões em ISS e R$ 22 milhões em ICMS, além de as novas empresas terem gerado mais de 11,2 mil empregos.

No encontro, a FIRJAN reiterou que incentivos fiscais não são sinônimo de renúncia de receita, ao contrário. Essa política, ao atrair empresas, ajudou a aumentar a receita de diversas cidades e do estado graças aos impostos cobrados desses novos empreendimentos.

Das empresas entrevistadas pelo Sistema FIRJAN, 89,6% afirmam que farão demissões se perderem incentivos, o que representa 45.022 empregos em risco. Mais da metade das empresas (52,6%) disseram ainda que irão fechar as portas. Dessas, 60,5% vão se mudar para outros estados, enquanto 39,5% devem encerrar definitivamente suas atividades.

O objetivo do encontro promovido pela Federação das Indústrias era, também, sensibilizar os gestores municipais para atuarem junto aos deputados de suas regiões na defesa dos incentivos, já que ainda tramitam na Alerj projetos ligados ao assunto. Para o deputado Luiz Martins – um dos autores do Projeto de Lei 2.472/2017, que desobriga parte das empresas instaladas no estado a recolher 10% dos incentivos fiscais para um FEEF (Fundo Estadual de Equilíbrio Fiscal) -, é fundamental que os prefeitos também estejam nessa luta. “Aprofundar esse debate é importante para que todos entendam que estamos defendendo o emprego no estado do Rio”.

Também participaram do encontro o deputado estadual André Corrêa e representantes das cidades de Campos dos Goytacazes, Cordeiro, Itaperuna, Magé, Nova Friburgo, Paracambi, Petrópolis, Piraí, Queimados, Resende, Saquarema e Três Rios.

O objetivo do encontro era também sensibilizar os gestores municipais para atuarem junto aos deputados de suas regiões na defesa dos incentivos
Foto: Renata Mello

O presidente do Sistema FIRJAN, Eduardo Eugenio Gouvêa Vieira. Foto: Renata Mello

Compartilhe:
Comentar

Ministério da Cultura e Instituto CCR apresentam Cine em Cena na Região dos Lagos

O projeto estreia hoje em Araruama e visitará mais cinco cidades na área de abrangência da CCR ViaLagos, levando cultura e lazer a estudantes e comunidades com sessões gratuitas, inclusive em 3D

Promover o acesso gratuito à cultura e lazer para alunos de escolas públicas e comunidades. E com esse objetivo que o projeto Cine em Cena, apresentado pelo Ministério da Cultura e o Instituto CCR, chega à Região dos Lagos, com estreia hoje em Araruama. Até julho, a sala de cinema itinerante visitará mais cinco cidades: Rio Bonito, Saquarema, São Pedro da Aldeia, Iguaba Grande e Cabo Frio, numa parceria da CCR ViaLagos com as respectivas secretarias de educação. Nesta temporada, o projeto atingirá cerca de 15 mil pessoas nos seis municípios, com filmes diversos para todas as idades, incluindo sessões em 3D com distribuição de pipoca.

De hoje a quinta-feira (13), os moradores de Araruama poderão assistir a quatro sessões gratuitas por dia (ver programação abaixo), numa sala com capacidade para 225 pessoas, ar condicionado, tela de 26m2, sistema de som e projeção digital. Toda essa estrutura viaja de uma cidade a outra dentro de um caminhão. Para muitos, é a primeira oportunidade de ver um filme em um sala de cinema.

Compartilhe:
Comentar

Fila se forma para vacinação contra febre amarela em São Pedro da Aldeia

Uma extensa fila se formou no início da manhã desta quinta-feira (6) em frente ao São Pedro Esporte Clube, em São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos, para a vacinação contra a febre amarela. Após a confirmação de um caso de febre amarela silvestre em um morador, a Secretaria Municipal de Saúde de São Pedro da Aldeia agendou para hoje uma intensificação para a vacinação. Às 7h, cerca de 300 pessoas já esperavam para ser vacinadas. A imunização vai de 8h às 18h. A Prefeitura não informou quantas doses serão disponibilizadas neste “Dia D”.

Na semana passada a Secretaria Estadual de Saúde confirmou que o Rio de Janeiro já registrou nove casos da doença: sete, com uma morte, em Casimiro de Abreu, um em São Fidélis, no Norte Fluminense, e um em um morador de São Pedro da Aldeia. Em Silva Jardim, a morte de um homem que se vacinou contra a febre amarela e teve complicações ainda é investigada.

Ainda segundo a Secretaria Estadual de Saúde, o morador de São Pedro da Aldeia contraiu a doença durante uma viagem à zona rural de Casimiro de Abreu. De acordo com a Prefeitura de São Pedro da Aldeia serão vacinadas as pessoas com idade entre 9 meses e 60 anos. Quem tiver mais de 60 anos só pode se vacinar mediante autorização médica. Não serão imunizados gestantes, lactantes, pessoas que estejam com doenças imunodepressoras, doenças neurológicas degenerativas, pacientes graves de HIV, que tenham neoplasia maligna (câncer), com histórico pregresso de doença do tino ou transplantado.

Os primeiros dois casos de febre amarela foram foram identificados em Casimiro de Abreu no dia 15 de março. O pedreiro Watila Santos, 38, morreu pela doença. A secretaria Estadual de Saúde disse que todos foram contraídos na zona rural da cidade. Após as primeiras confirmações em Casimiro de Abreu, uma corrida foi iniciada para a imunização dos moradores. Um Hospital de Campanha chegou a ser montado na cidade para agilizar o atendimento.

Fila dobra a esquina às 7h em São Pedro (Foto: Antônio Amorim/Arquivo Pessoal)

Compartilhe:
Comentar
Assine o RSS
Publicidade
Publicidade
?>