Publicidade

Jornal do Brasil

Cabo Frio JB News

Três pessoas são detidas com cocaína em São Pedro da Aldeia

Cocaína foi apreendida com o trio em São Pedro da Aldeia (Foto: Polícia Militar/Divulgação)

Dois homens, de 18 e 20 anos, e um adolescente de 14, foram detidos com cocaína neste domingo (21) na Estrada do Alecrim, no município de São Pedro da Aldeia. De acordo com a Polícia Militar, foram apreendidos 182 pinos da droga com eles, que foram capturados ao tentar fugir dos agentes.

A ação foi realizada após denúncias sobre tráfico de drogas na localidade. Foram vistos sete homens, e quatro conseguiram fugir. Os três detidos foram levados para a 125ª Delegacia de Polícia.

Compartilhe:
Comentar

Motorista se fere ao capotar na RJ-140 em São Pedro da Aldeia

Homem se feriu ao capotar no Km 5 da RJ-140, em São Pedro da Aldeia (Foto: Rodrigo Marinho)

Um homem ficou ferido ao capotar com o carro na manhã desta segunda-feira (22) na RJ-140, em São Pedro da Aldeia. Não chovia, mas as pistas estavam molhadas devido à chuva da madrugada. De acordo com o Batalhão de Polícia Rodoviária, o motorista perdeu o controle do veículo e estava sozinho no carro.

O acidente foi por volta das 7h no Km 5 da rodovia, sentido Centro de São Pedro, na altura de uma fábrica de concreto. O ferido foi levado para o Pronto Socorro de São Pedro da Aldeia, que fica a 600 metros de onde ocorreu o acidente. A Prefeitura de São Pedro da Aldeia ainda não informou sobre o estado de saúde da vítima.

Compartilhe:
Comentar

PhotoTruck leva fotografia e reflexão a alunos de escolas públicas de quatro cidades

Com apoio do Instituto CCR, unidade móvel de fotografia visita durante este mês os municípios de Rio Bonito, Araruama,
Saquarema e São Pedro da Aldeia, oferecendo oficinas, exposições e workshops para mais de 2 mil jovens e crianças

Feito sob medida para atividades educacionais, o PhotoTruck encanta crianças e adultos por onde passa. O projeto conta com uma câmera escura em que os participantes aprendem, na prática e brincando, como as imagens são formadas; uma cabine fotográfica para criar autorretratos, além de transportar brinquedos educativos, como caleidoscópios e taumatrópios (ou pirulitos óticos).

Este ano, o Ministério da Cultura e o Instituto CCR apresentam o Circuito PhotoTruck, com o tema “Meu Brasil” em uma viagem de seis meses por 36 cidades dos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia e Mato Grosso, para atender mais de 9 mil alunos e professores nas atividades. Até o dia 25 deste mês, os educadores do projeto passarão por escolas nas cidades de Rio Bonito, Saquarema, Araruama e São Pedro da Aldeia, levando oficinas, workshops e exposições, numa parceria da CCR ViaLagos com as respetivas secretarias de educação, atendendo mais de 2 mil jovens e crianças nessas cidades.

A proposta é estimular os alunos a despertarem um olhar crítico sobre a diversidade da cultura brasileira e a refletirem sobre a relação com o mundo em que vivem por meio das fotografias e legendas produzidas por eles.

-Muitos alunos já tem contato com a fotografia no dia-a-dia, mas não pensam na mensagem que estão transmitindo. E esse é o grande diferencial da oficina: unir a fotografia produzida com a mensagem que o participante quer passar, resgatando a reflexão por trás da imagem, explica Levi Fanan, um dos educadores do projeto.

Em cada município, os educadores do projeto visitam uma escola, centro comunitário ou praça pública, onde realizam dois dias de oficinas para 250 alunos.

A principal atividade envolve a produção de uma foto e uma legenda, criadas a partir de uma reflexão e discussão sobre um tema determinado. Para encerrar a oficina, as imagens produzidas são impressas e os alunos e professores se reúnem e se mobilizam para organizar uma grande exposição de lambes nos muros da escola.

Em 2016, o Instituto CCR ajudou a levar o PhotoTruck a 43 cidades pelo Brasil a fora, rodando mais de 10 mil km, o equivalente a uma distância entre São Paulo e Berlim. Foram mais de 7500 alunos e 450 educadores atendidos.

Compartilhe:
Comentar

PhotoTruck leva fotografia e reflexão a alunos de escolas públicas de quatro cidades

Usar a fotografia como forma de incentivar a reflexão sobre o mundo ao redor. Até o dia 25 deste mês, os educadores do PhotoTruck passarão por escolas nas cidades de Rio Bonito, Saquarema, Araruama e São Pedro da Aldeia, levando oficinas, workshops e exposições, numa parceria da CCR ViaLagos com as respetivas secretarias de educação, atendendo mais de 2 mil jovens e crianças nessas cidades.

Feito sob medida para atividades educacionais, o PhotoTruck encanta crianças e adultos por onde passa. O projeto conta com uma câmera escura em que os participantes aprendem, na prática e brincando, como as imagens são formadas; uma cabine fotográfica para criar autorretratos, além de transportar brinquedos educativos, como caleidoscópios e taumatrópios (ou pirulitos óticos).

Este ano, o Ministério da Cultura e o Instituto CCR apresentam o Circuito PhotoTruck, com o tema “Meu Brasil” em uma viagem de seis meses por 36 cidades dos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia e Mato Grosso, para atender mais de 9 mil alunos e professores nas atividades.

A proposta do tema é estimular os alunos a despertarem um olhar crítico sobre a diversidade da cultura brasileira e a refletirem sobre a relação com o mundo em que vivem por meio das fotografias e legendas produzidas por eles.

-É algo valioso mostrar para uma criança um novo olhar do mesmo lugar em que ela está todos os dias. Há uma necessidade real de olhar para o mundo em que se vive e a oficina permite dar à criança esse momento de reflexão, conta Levi Fanan, um dos educadores do projeto.

Em cada município, os educadores do projeto visitam uma escola, centro comunitário ou praça pública, onde realizam dois dias de oficinas para 250 alunos. A principal atividade envolve a produção de uma foto e uma legenda, criadas a partir de uma reflexão e discussão sobre um tema determinado. Para encerrar a oficina, as imagens produzidas são impressas e os alunos e professores se reúnem e se mobilizam para organizar uma grande exposição de lambes nos muros da escola.

Em 2016, o Instituto CCR ajudou a levar o PhotoTruck a 43 cidades pelo Brasil a fora, rodando mais de 10 mil km, o equivalente a uma distância entre São Paulo e Berlim. Foram mais de 7500 alunos e 450 educadores atendidos.

Serviço:

Rio Bonito

EM Professor Honesto de Almeida Carvalho

Dias 15 e 16/05

 Araruama

EM Honorino Coutinho – 17/05

EM Agostinho Franceschi – 18/05

Saquarema

Centro de Educação Municipal Padre Manuel

Dias 19 e 22 /05

São Pedro da Aldeia

EM Capitão Costa – 23/05

EM Profª Dulcinda Jotta Mendes – 24/05

Com apoio do Instituto CCR, unidade móvel de fotografia visita durante este mês os municípios de Rio Bonito, Araruama,
Saquarema e São Pedro da Aldeia, oferecendo oficinas, exposições e workshops para mais de 2 mil jovens e crianças (Foto: Divulgação)

Compartilhe:
Comentar

ViaLagos tem operação especial para o feriado do Dia do Trabalhador

A partir da zero hora desta sexta-feira (28/04), a CCR ViaLagos estará com as suas equipes e viaturas reforçadas para atender ao aumento do fluxo de veículos na rodovia durante o feriado do Dia do Trabalhador, na próxima segunda-feira (01/05). A expectativa é que 124 mil veículos passem pela ViaLagos entre amanhã e a terça-feira (02/05). Os dias de maior fluxo na ida para a Costa do Sol serão sexta e sábado (29/04), quando são esperados 24 mil e 30 mil veículos, respectivamente.

Serão cinco dias de operação especial, com todo o efetivo do SOS Usuário Médico e Mecânico da Concessionária atuando 24 horas em regime de plantão. Para garantir ainda mais rapidez nos atendimentos e na liberação das pistas em caso de ocorrências, as equipes ficarão baseadas em pontos estratégicos da rodovia com viaturas de inspeção, guinchos e ambulâncias UTI e de resgate.

A ViaLagos também conta câmeras de monitoramento do tráfego ao longo da via e três bases de atendimento ao usuário: duas localizadas no sentido Região dos Lagos, nos quilômetros 22 (Rio Bonito – ao lado da praça de pedágio) e 40 (Araruama), e uma no sentido Rio de Janeiro, no km 56 (São Pedro da Aldeia). Nesses locais, há equipes e viaturas da Concessionária, e banheiros 24h.

Durante todo o feriadão, a Polícia Militar Rodoviária intensificará as fiscalizações na rodovia com radares móveis para coibir o excesso de velocidade e proporcionar mais segurança. Os locais de fiscalização estarão devidamente sinalizados. Painéis eletrônicos de mensagens orientarão sobre as fiscalizações, segurança e eventuais incidentes na ViaLagos.

É recomendável que o motorista, antes de viajar, verifique as condições gerais do veículo como as lanternas e faróis, calibragem dos pneus, filtro de ar e os níveis de água e óleo do motor e também o de combustível. É importante obedecer à sinalização e os limites de velocidade da rodovia para evitar acidentes.

Na volta do feriadão, a previsão é de que 34 mil veículos passem pela ViaLagos na segunda (01/05), e outros 19 mil na terça-feira (02/05).

Previsão de fluxo de veículos na ViaLagos para o feriado (Sentidos Rio de Janeiro e Costa do Sol):

Sexta-feira (28/04): 24 mil veículos

Sábado (29/04):  30 mil veículos

Domingo (30/04): 17 mil veículos

Segunda-feira (01/05) – 34 mil veículos

Terça-feira (02/05) – 19 mil veículos

Total: 124 mil veículos

 

Compartilhe:
Comentar

Balanço do feriado de Tiradentes na ViaLagos

Mais de 95 mil veículos passaram pela ViaLagos no feriado de Tiradentes, entre a última quinta-feira (20/04) e ontem (23/04). A quinta e a sexta-feira foram os dias de maior fluxo em direção à Costa do Sol, com 23 mil e 26 mil veículos, respectivamente. Também foi intensa a movimentação de volta para casa neste domingo, com a passagem de 30 mil veículos. Neste momento, o trânsito segue tranquilo em direção ao Rio. A previsão para hoje é de que 21 mil veículos passem pela rodovia até a meia-noite.

Em quatro dias de operação especial, as equipes do serviço SOS Usuário da CCR ViaLagos realizaram 113 atendimentos mecânicos. Do total de veículos atendidos, 42 tiveram os problemas resolvidos na própria pista e 71 foram rebocados. Foram registrados 3 acidentes no período, todos sem gravidade.

Compartilhe:
Comentar

ViaLagos opera em esquema especial para o feriado de Tiradentes

Desde a madrugada desta quinta-feira (20/04), a CCR ViaLagos está com as suas equipes e viaturas reforçadas para atender ao aumento do fluxo de veículos na rodovia durante o feriado de Tiradentes. A expectativa é que 135 mil veículos passem pela ViaLagos entre hoje e a segunda-feira (24/04). Os dias de maior fluxo na ida para a Costa do Sol serão quinta e sexta-feira (21/04), quando são esperados 31 mil e 26 mil veículos, respectivamente.

Serão cinco dias de operação especial, com todo o efetivo do SOS Usuário Médico e Mecânico da Concessionária atuando 24 horas em regime de plantão. Para garantir ainda mais rapidez nos atendimentos e na liberação das pistas em caso de ocorrências, as equipes ficarão baseadas em pontos estratégicos da rodovia com viaturas de inspeção, guinchos e ambulâncias UTI e de resgate.

A ViaLagos também conta câmeras de monitoramento do tráfego ao longo da via e três bases de atendimento ao usuário: duas localizadas no sentido Região dos Lagos, nos quilômetros 22 (Rio Bonito – ao lado da praça de pedágio) e 40 (Araruama), e uma no sentido Rio de Janeiro, no km 56 (São Pedro da Aldeia). Nesses locais, há equipes e viaturas da Concessionária, e banheiros 24h.

Durante todo o feriadão, a Polícia Militar Rodoviária intensificará as fiscalizações na rodovia com radares móveis para coibir o excesso de velocidade e proporcionar mais segurança. Os locais de fiscalização estarão devidamente sinalizados. Painéis eletrônicos de mensagens orientarão sobre as fiscalizações, segurança e eventuais incidentes na ViaLagos.

135 mil veículos devem passar pela rodovia a partir desta quinta-feira (20/04)

Compartilhe:
Comentar

ViaLagos opera em esquema especial para a Semana Santa

A partir da zero hora desta quinta-feira (13/04), a CCR Via Lagos estará com as suas equipes e viaturas reforçadas para atender ao aumento do fluxo de veículos na rodovia durante o feriado da Semana Santa. A expectativa é que 140 mil veículos passem pela Via Lagos entre amanhã e a segunda-feira (17/04). Os dias de maior fluxo na ida para a Costa do Sol serão quinta e sexta-feira, quando são esperados 33 mil e 27 mil veículos, respectivamente.

Serão cinco dias de operação especial, com todo o efetivo do SOS Usuário Médico e Mecânico da Concessionária atuando 24 horas em regime de plantão. Para garantir ainda mais rapidez nos atendimentos e na liberação das pistas em caso de ocorrências, as equipes ficarão baseadas em pontos estratégicos da rodovia com viaturas de inspeção, guinchos e ambulâncias UTI e de resgate.

A ViaLagos também conta câmeras de monitoramento do tráfego ao longo da via e três bases de atendimento ao usuário: duas localizadas no sentido Região dos Lagos, nos quilômetros 22 (Rio Bonito – ao lado da praça de pedágio) e 40 (Araruama), e uma no sentido Rio de Janeiro, no km 56 (São Pedro da Aldeia). Nesses locais, há equipes e viaturas da Concessionária, e banheiros 24h.

Durante todo o feriadão, a Polícia Militar Rodoviária intensificará as fiscalizações na rodovia com radares móveis para coibir o excesso de velocidade e proporcionar mais segurança. Os locais de fiscalização estarão devidamente sinalizados. Painéis eletrônicos de mensagens orientarão sobre as fiscalizações, segurança e eventuais incidentes na Via Lagos.

140 mil veículos devem passar pela rodovia a partir desta quinta-feira (13/04)

 

Compartilhe:
Comentar

Fila se forma para vacinação contra febre amarela em São Pedro da Aldeia

Uma extensa fila se formou no início da manhã desta quinta-feira (6) em frente ao São Pedro Esporte Clube, em São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos, para a vacinação contra a febre amarela. Após a confirmação de um caso de febre amarela silvestre em um morador, a Secretaria Municipal de Saúde de São Pedro da Aldeia agendou para hoje uma intensificação para a vacinação. Às 7h, cerca de 300 pessoas já esperavam para ser vacinadas. A imunização vai de 8h às 18h. A Prefeitura não informou quantas doses serão disponibilizadas neste “Dia D”.

Na semana passada a Secretaria Estadual de Saúde confirmou que o Rio de Janeiro já registrou nove casos da doença: sete, com uma morte, em Casimiro de Abreu, um em São Fidélis, no Norte Fluminense, e um em um morador de São Pedro da Aldeia. Em Silva Jardim, a morte de um homem que se vacinou contra a febre amarela e teve complicações ainda é investigada.

Ainda segundo a Secretaria Estadual de Saúde, o morador de São Pedro da Aldeia contraiu a doença durante uma viagem à zona rural de Casimiro de Abreu. De acordo com a Prefeitura de São Pedro da Aldeia serão vacinadas as pessoas com idade entre 9 meses e 60 anos. Quem tiver mais de 60 anos só pode se vacinar mediante autorização médica. Não serão imunizados gestantes, lactantes, pessoas que estejam com doenças imunodepressoras, doenças neurológicas degenerativas, pacientes graves de HIV, que tenham neoplasia maligna (câncer), com histórico pregresso de doença do tino ou transplantado.

Os primeiros dois casos de febre amarela foram foram identificados em Casimiro de Abreu no dia 15 de março. O pedreiro Watila Santos, 38, morreu pela doença. A secretaria Estadual de Saúde disse que todos foram contraídos na zona rural da cidade. Após as primeiras confirmações em Casimiro de Abreu, uma corrida foi iniciada para a imunização dos moradores. Um Hospital de Campanha chegou a ser montado na cidade para agilizar o atendimento.

Fila dobra a esquina às 7h em São Pedro (Foto: Antônio Amorim/Arquivo Pessoal)

Compartilhe:
Comentar

População faz fila em São Pedro da Aldeia para vacinação após confirmação de caso de febre amarela

Após a confirmação de um caso de febre amarela silvestre em um morador de São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos, uma fila se formou no início da manhã desta sexta-feira (31) em frente ao Programa de Atenção Integral à Saúde da Mulher, Criança e Adolescente do município. Às 6h, cerca de 120 pessoas já esperavam na fila pela dose da vacina.

Ontem a Secretaria Estadual de Saúde confirmou que o Rio de Janeiro tem nove casos da doença: sete deles, com uma morte, foram registrados em Casimiro de Abreu, um em São Fidélis, no Norte Fluminense, e agora, este caso do morador de São Pedro da Aldeia.

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, o paciente contraiu a doença em viagem à zona rural de Casimiro de Abreu.
De acordo com a Prefeitura de São Pedro da Aldeia serão vacinadas as pessoas com idade entre 9 meses e 60 anos. Quem tiver mais de 60 anos pode se vacinar mediante autorização médica. Não serão imunizadas gestantes, lactantes, pessoas com doenças imunodepressoras, neurológicas degenerativas, pacientes graves de HIV e portadores de neoplasia maligna (câncer).

Em nota divulgada ontem a Secretaria Municipal de Saúde de São Pedro da Aldeia informou que permanecerá com as ações de imunização e cobertura em todo o território com as doses já disponibilizadas.

O município informou, ainda, que não há qualquer caso confirmado de morador infectado que esteja no território de São Pedro da Aldeia.

Fila se formou já no início da manhã em São Pedro da Aldeia (Foto: Paulo Henrique Cardoso/G1)

Compartilhe:
Comentar
Assine o RSS
Publicidade
Publicidade
?>