Publicidade

Jornal do Brasil

Cabo Frio JB News

Começa o movimento de Réveillon na ViaLagos

Por conta do início da grande movimentação de pessoas em direção às cidades da Costa do Sol para as comemorações do Ano Novo, a ViaLagos registrou nesta quarta-feira (27/12) a passagem de 33 mil veículos. Mas, a partir desta quinta-feira a previsão é de tráfego bem mais intenso. Cerca de 312 mil veículos são esperados até a próxima quarta (03/01- ver abaixo), sendo hoje e amanhã (28 e 29/12) os diasmais movimentados na ida para Região dos Lagos, com 35 e 44 mil veículos, respectivamente. Na volta do Réveillon, a previsão é de que 60 mil veículos passem pela ViaLagos na terça e outros 44 mil, na quarta-feira (03/01).

A Concessionária está com a Operação Verão na rodovia, iniciada nas vésperas do Natal, para atender ao aumento do fluxo de veículos, que nesse período até o carnaval aumenta em 30% em relação ao restante do ano. O esquema especial conta com equipes e viaturas do SOS Usuário Médico e Mecânico da Concessionária reforçadas e atuando 24h sob os olhos do novo Centro de Controle Operacional da Concessionária. O local conta com uma moderna tecnologia no monitoramento da rodovia, que permite visualizar, em tempo real, as ocorrências nas pistas, proporcionando mais agilidade nos atendimentos aos usuários em situação de emergência, e informação do tempo de travessia pela via.  Para também garantir ainda mais rapidez na liberação das pistas, em caso de ocorrências, as equipes estão baseadas em pontos estratégicos da rodovia com viaturas de inspeção, guinchos e ambulâncias UTI e de resgate.

A ViaLagos também conta com câmeras de monitoramento do tráfego ao longo da via e três bases de atendimento ao usuário: duas localizadas no sentido Região dos Lagos, nos quilômetros 22 (Rio Bonito – ao lado da praça de pedágio) e 40 (Araruama), e uma no sentido Rio de Janeiro, no km 56 (São Pedro da Aldeia). Nesses locais, há equipes e viaturas da Concessionária, e banheiros 24h

É recomendável que, antes de viajar, o motorista verifique as condições gerais do veículo como as lanternas e faróis, calibragem dos pneus, filtro de ar e os níveis de água e óleo do motor e também o de combustível. É importante obedecer à sinalização e os limites de velocidade da rodovia para evitar acidentes.

Informações sobre o tráfego estão disponíveis 24 horas em www.grupoccr.com.br/vialagos ou no Disque CCR ViaLagos (0800 7020124), que conta também com Central de Atendimento ao Deficiente Auditivo (0800 022 0130). Em caso de emergência, o motorista deve parar no acostamento, ligar o pisca – alerta e aguardar o socorro da CCR ViaLagos, que logo irá chegar. Se preferir, pode ligar para o 0800 da Concessionária.

Policia Militar e PROEIS reforçam segurança na rodovia

A Polícia Militar Rodoviária intensifica as fiscalizações na via com radares móveis (locais estarão devidamente sinalizados), para coibir o excesso de velocidade e o Proeis, Programa Estadual de Integração na Segurança, da Polícia Militar, atua na praça de pedágio fiscalizando a evasão de pedágio –  infração grave sujeita a multa que pode causar acidentes. Após convênio da Concessionária com o Proeis, houve redução de 20% no número de evasões nos dois últimos meses, em comparação ao mesmo período de 2016.  Painéis eletrônicos de mensagens orientam sobre as fiscalizações, segurança e eventuais incidentes na ViaLagos

Mais de 300 mil veículos são esperados até o dia 03 de janeiro

Compartilhe:
Comentar

Mais de duas mil pessoas vão desembarcar no Aeroporto de Cabo Frio até segunda

Além da terra e do mar, neste verão Cabo Frio vai receber muitos visitantes também pelo ar. Os primeiros começaram a chegar no último dia 16 vindos de Buenos Aires, na Argentina, e de Minas Gerais. Ao todo mais de 1200 pessoas já desembarcaram no Aeroporto Internacional de Cabo Frio nos últimos 10 dias (de 16 a 26 de dezembro), e outros 1000 são esperados até o dia 1º de janeiro de 2018.

Os vôos diretos entre Cabo Frio e Buenos Aires estão movimentando espaço aéreo local. Desde a abertura da temporada, no último dia 16, duas aeronaves já aterrissaram em solo cabo-friense, trazendo mais de 220 turistas argentinos. O próximo avião pousa neste sábado (30), e a estimativa da administração do aeroporto é de que mais 117 “hermanos” cheguem à cidade.

O embarque e desembarque de turistas argentinos em Cabo Frio continua até o dia 3 de março de 2018. Durante toda a temporada de verão serão 24 vôos operados pela empresa Azul Linhas Aéreas. Todos são realizados em jatos da Embraer 195, com capacidade para 118 passageiros.

“O vôo direto permite que o turista argentino saia de Buenos Aires e esteja em Cabo Frio em menos de três horas. É um importante ganho para o turismo da nossa cidade e de toda a região uma vez que o fluxo de argentinos cresce a cada ano. Com essa linha estamos chegando a um novo patamar no turismo internacional”, afirma a secretária de Turismo de Cabo Frio, Fabíola Bleicker.

Além dos vôos internacionais vindos da Argentina, as linhas domésticas também representam uma boa parcela do fluxo de visitantes na cidade neste verão. Desde o último dia 16 até o dia 1º de janeiro serão mais de 2 mil visitantes desembarcando em dois vôos diários vindo de Minas Gerais. A novidade é fruto de uma conexão entre o Aeroporto de Cabo Frio e o Aeroporto Internacional de Belo Horizonte – Confins.

O Aeroporto Internacional de Cabo Frio é segundo maior do Estado do Rio, atrás apenas do Galeão, na capital, e está localizado na Estrada Velha do Arraial do Cabo, na Praia do Sudoeste.

Vôos diretos Buenos Aires x Cabo Frio têm sido o diferencial na rota do turismo

Compartilhe:
Comentar

CABO FRIO ABRE MERCADO SUSTENTÁVEL NO DIA 26

(Texto e Fotos: Paulo Roberto Araújo)

O projeto, pioneiro na Região dos Lagos, foi inspirado nos Farmers Market (mercados do produtor) americanos e europeus e no Mercadão de São Paulo. Totalmente sustentável, o Container Market Peró (mercado de container) será aberto ao público dia 26 na Avenida dos Pescadores, principal via do Peró e perto da praia, em Cabo Frio.  O mercado foi montado em 12 containeres, num total de 25 boxes que serão ocupados por empreendedores com destaque para o grande espaço goumert e dois containeres para a garotada se divertir com games.

Nos boxes estarão, entre outros atrativos, o famoso bolinho de bacalhau do Ranieri (de Búzios) e o melhor chope da Região dos Lagos, tirado por Ramon Martins, com 45 anos de experiência. O espaço goumert (no segundo piso) terá quatro pratos diferentes: frutos do mar; carnes; massas; e, costelinha com molho barbecue (igual a do Outback).

Os empreendedores locais tiveram prioridade para ocupar os boxes de artesanato, moda praia, petiscos, espetos, crepes, batatas, pizzas, sorvetes, sanduíches, japonês, sucos vegetais,  café e um espaço exclusivo para o turismo. Ali o público poderá pedir informações turísticas e comprar passeios de barco e para o tour de Land Rover pelas praias do Peró, Conchas e Ilha do Japonês. O boxe também terá um espaço para o projeto Bandeira Azul (a Praia do Peró é candidata ao título internacional de qualidade).

– A crise econômica provocou mudanças. As pessoas estão buscando coisas boas, bonitas e baratas. Pequenos empresários perderam seus empregos. No Container Market eles terão nova oportunidade e serão parceiros. O foco do empreendimento é a qualidade – afirmou o empresário Roberto Saci, que está há 35 anos nos ramos do turismo e da construção civil. Ele também idealizou Container Hostel, inaugurado no início do ano no Peró.

Todo o sistema de iluminação do Container Market é produzido por uma turbina eólica, que produz 500 watts de energia, o suficiente para manter acesas 40 lâmpadas de LED. O conjunto aproveita a água de chuva e águas servidas. O tratamento de esgotos é ecológico (evapotranspiração) e usa bananeiras (que consome de 15 a 30 litros de água por dia). As águas servidas das pias são reutilizadas nos mictórios; as pias são baldes de obra e há sanitários para portadores de necessidades especiais:

– Praticamente todo o material usado é sobra de obras. O projeto estimula o contato direto do produtor local com o turista. Todos os letreiros e a decoração são de autoria do marceneiro e artesão Fábio Alves, que, assim como os demais empreendedores, vão ministrar cursos e palestras na época de menor movimento no Peró – explica o arquiteto Alex Antunes, graduado em Meio Ambiente.

Para comandar o complexo, Roberto Saci contratou Rodrigo Amaral, que gerenciou o Castelo de Itaipava, em Petrópolis, e hotéis da rede Windsor, no Rio:

– Conheço bem o Peró e a Região dos Lagos. Sentimos que não há um padrão de atendimento. Este será nosso diferencial. Teremos também sistema de delivery e cartões recarregáveis para que o cliente não tenha que ir ao caixa toda hora que for fazer um pedido. Ele pode carregar o cartão para o dia, o fim de semana ou a temporada – disse o gerente.

Presidente da Federação de Convention Bureau do Estado do Rio, Marco Navega comemorou:

– Pela segunda vez neste ano tão difícil para a economia, Roberto Saci nos surpreende positivamente com um empreendimento inovador que contribui em muito para o fortalecimento do turismo no interior fluminense – elogiou.

Segundo Roberto Saci, parte da receita da choperia será destinada à manutenção do mercado. Os empreendedores não pagarão aluguel: eles vão contribuir apenas com percentual da receita para que não tenham prejuízo na baixa temporada. Todos os boxes já estão reservados.

– O Container Market Peró terá um espaço de convivência, semelhante aos existentes nos bons hostels. Vai funcionar das 9 às 24h e vai mudar o conceito de improvisação que vemos por aí – concluiu Saci.

Todo o sistema de iluminação do Container Market é produzido por uma turbina eólica, que produz 500 watts de energia, o suficiente para manter acesas 40 lâmpadas de LED.

Compartilhe:
Comentar

CABO FRIO VAI PRIORIZAR OS ÔNIBUS NO PERÓ

Texto: Paulo Roberto Araújo

O transporte público terá prioridade no Plano de Mobilidade do Peró, que foi apresentado nesta sexta-feira pelo Secretário de Mobilidade de Cabo Frio, Mauro Branco, em reunião com moradores, comerciantes e hoteleiros do bairro. Ainda neste mês, serão instaladas cerca de 250 placas, proibitivas e indicativas, nas ruas do balneário. Será instituído o sistema de estacionamento rotativo: nas vias principais próximas à praia, será cobrado R$ 10,00 reais por dez horas. Nas vias internas, do comércio, R$ 2,00 por duas horas. Carros com placa de Cabo Frio estarão isentos da cobrança.

Durante toda a alta temporada, agentes de trânsito, com duas motocicletas e um reboque, vão ordenar o trânsito e reprimir o estacionamento irregular. Vagas serão suprimidas e será proibida a atuação de flanelinhas explorando estacionamentos em áreas públicas e de preservação ambiental. A orla do Peró será fechada para carros já no réveillon e o embarque e desembarque de banhistas se dará pela Rua dos Badejos.

— O ordenamento vai priorizar a fluidez, com prioridade para o transporte público. O bairro não comporta o excesso de veículos que bloqueiam vias importantes, impedindo a passagem dos ônibus e dos moradores. Não vamos conseguir resolver todos os problemas, mas certamente não teremos o mesmo caos dos anos anteriores – garantiu Mauro Branco.

O Secretário de Mobilidade disse que a abertura de bolsões de estacionamentos para absorver os carros dos banhistas que vão para a Praia das Conchas e Ilha do Japonês sofreu atraso (a previsão era abrir os estacionamentos no último fim de semana) por causa da reclamação de quatro moradores da Ogiva:

— Os bolsões vão ficar em salinas desativadas, em áreas degradadas. Por causa da reclamação de quatro pessoas, o processo será postergado, mas acreditamos que poderemos ter uma solução até o fim do ano. O Meio Ambiente vai definir os locais onde os carros poderão ficar, sem provocar qualquer dano ambiental – explicou, acrescentando que também será aberto um bolsão de estacionamento no Pontal do Peró.

Ainda segundo o secretário, a criação dos bolsões de estacionamento já foi apresentada ao Ministério Público e ao Inea:

— No verão, o Peró recebe um volume de carros que absolutamente não comporta. Ou proibimos a entrada ou tentamos ordenar. Falhas vão acontecer. É um aprendizado num balneário que jamais contou com ordenamento. Vamos usar adesivos nos veículos multados para desestimular as infrações. Precisamos muito do apoio dos moradores e dos comerciantes para evitar o caos urbano no bairro – concluiu.

Durante toda a alta temporada, agentes de trânsito, com duas motocicletas e um reboque, vão ordenar o trânsito e reprimir o estacionamento irregular. foto: MAURO BRANCO

Compartilhe:
Comentar

CABO FRIO FECHA ORLA DO PERÓ PARA CARROS

(Texto e foto: Paulo Roberto Araújo)

A orla da Praia do Peró, em Cabo Frio, será fechada para carros no verão e só será permitido o trânsito de pedestres e ciclistas. A novidade será anunciada nesta sexta-feira (15) numa reunião de técnicos da Secretaria de Mobilidade Urbana com hoteleiros, comerciantes e líderes comunitários do Peró, cuja praia é candidata à Bandeira Azul, título internacional de qualidade. A reunião acontece pela manhã no Hotel La Plage.

Além do fechamento da orla, os técnicos vão apresentar estudos para acabar com o caos no trânsito no verão, especialmente no Réveillon e no Carnaval, na Praça do Moinho e ruas próximas. A principal alteração é a adoção de mão única nas Ruas do Moinho e Anequim, além da supressão de vagas de estacionamento para garantir maior fluidez ao tráfego.

— O Peró é um dos bairros mais prejudicados nessa questão do trânsito. Por isso uma das propostas que vamos apresentar será com relação a mudanças nas ruas do Moinho e Anequim, que são as principais vias do bairro, transformando-as em mão única.  Vamos criar ciclofaixas e implantar sinalizações que auxiliem a fiscalização — explicou o coordenador do Departamento de Engenharia de Trânsito e Transportes (Engettrans) da Secretaria de Mobilidade Urbana, Leandro Knopp.

A principal preocupação dos moradores e veranistas é o bloqueio das ruas, sobretudo no entorno da Praça do Moinho, por carros estacionados irregularmente. A infração impede o acesso dos carros às garagens e, principalmente, o tráfego dos ônibus da Viação Salineira.

— O plano de trânsito do Peró poderá ser ótimo se vier acompanhado da fiscalização de trânsito, inclusive com o apoio de reboques. A tradição ensina que os agentes de trânsito desaparecem quando o bairro mais precisa deles – reclama o corretor de imóveis Jorge Murilo de Oliveira, fundador do movimento Amigos do Peró.

Já o líder comunitário Elias Fernandes reclama das péssimas condições das vias de acesso, que estão cheias de buracos e sem sinalização:

— Os turistas ficam perdidos porque a sinalização é muito precária. Além disso, a falta de manutenção deixa as Avenidas Marlin e dos Pescadores cheias de crateras – lamentou.

Durante o verão o trânsito na orla da Praia do Peró só será permitido para pedestres e ciclistas

Compartilhe:
Comentar

Taxistas e barqueiros recebem capacitação para atendimento aos turistas

Com o objetivo de melhor atender o grande fluxo de turistas que a cidade recebe na alta temporada, a Prefeitura vai oferecer cursos de capacitação turística para taxistas rodoviários e marítimos, barqueiros e funcionários das Centrais de Atendimento ao Turista, que estão localizadas na Rodoviária, no Boulevard Canal e no Terminal de Transatlânticos.

O treinamento é uma iniciativa da Secretaria de Turismo em parceria com a Secretaria de Mobilidade Urbana, a Coordenadoria de Meio Ambiente e a Universidade Estácio de Sá.

O curso tem duração de três horas e vão abordar os seguintes temas: “A importância do taxista para o turismo”; “Conheça melhor sua cidade” (informações sobre os atrativos naturais, culturais, históricos, etc); e “Orientações sobre conduta e bom atendimento”.

Os taxistas rodoviários terão opções de três horários, disponíveis na próxima terça (12) e quarta (13): das 9h às 12h; das 14h às 17h e das 18h às 21h.

Para táxis marítimos e barqueiros, o curso será na sexta (15), das 18h às 21h.

As aulas serão ministradas no auditório da Prefeitura, na Praça Tiradentes, s/n.

Compartilhe:
Comentar

CABO FRIO FAZ AÇÃO DE ORDENAMENTO NO PERÓ

Texto e Fotos: Paulo Roberto Araújo

A Prefeitura de Cabo Frio deflagrou no fim de semana a primeira operação de ordenamento da Praia do Peró. Por causa da operação, os acessos de automóveis à praia foram fechados pela Guarda Civil Municipal. Quatro estacionamentos irregulares foram notificados e um deles autuado e multado em R$ 30 mil por reincidência na prática ilegal de estacionamento irregular em área ambiental. A praia do Peró é candidata à Bandeira Azul, título internacional de qualidade.

Participaram da operação o coordenador-geral de Ordem Pública, Ricardo Melo; a fiscal do Meio Ambiente, Marcela Santana; a diretora de Patrimônio da Guarda Civil Municipal, Selma de Souza; representantes do Grupamento Ronda Ostensiva Municipal (ROMU), e agentes da Guarda Civil Municipal. A Delegacia do Meio Ambiente está coletando informações sobre estacionamentos em áreas ambientais e possíveis omissões de agentes públicos na fiscalização dos mesmos.

Segundo o coordenador-geral de Ordem Pública, Ricardo Melo, essa operação faz parte do esquema de ordenamento do Plano Verão.

– A partir de agora vamos fazer operações como esta regularmente, não só no Peró como em toda a cidade para garantir uma alta temporada segura e organizada para nossa população e para os nos munícipes – prometeu o coordenador.

Os turistas reclamaram do excesso de vendedores ambulantes e pediram atuação mais rigorosa, na próxima operação, da fiscalização de posturas e a presença da vigilância sanitária para verificar a higiene do comércio e a qualidade dos alimentos servidos aos banhistas.

Também pediram a intervenção da prefeitura num depósito de bebidas abandonado na área mais nobre do Peró, em frente ao posto dos salva-vidas, e a proibição de circulação de ônibus e vans piratas nas ruas estreitas do Peró.

 

Segundo o coordenador-geral de Ordem Pública, Ricardo Melo, essa operação faz parte do esquema de ordenamento do Plano Verão.

Compartilhe:
Comentar

Búzios ganha nova marina

Texto: Alexandra de OLiveira

Fotos: Ronald Pantoja

Foi inaugurada neste sábado (25), em Búzios, no litoral do Rio de Janeiro, a mais nova marina do grupo BR Marinas. Localizada no bairro da Rasa, a área foi totalmente revitalizada garantindo seu uso não apenas para fins náuticos, mas também para o lazer de buzianos e turistas. Em atividade desde 1999, a empresa é pioneira na utilização do sistema Forklifts, que revolucionou a operação de embarcações em vagas secas, reduzindo significativamente o tempo de transporte do barco para a água.

A inauguração contou com a participação do prefeito de Búzios, André Granado, que disse estar feliz com o empreendimento.

– Essa marina é a concretização de um sonho que começou nos anos 1980, com Umberto Modiano, um homem visionário que iniciou a implantação de um complexo turístico aqui em Búzios, com aeroporto, hotéis e condomínios, lembrou o prefeito.

Apesar de possuir um litoral de 7.367 quilômetros de extensão, 35.000 quilômetros de vias internas navegáveis, 9.260 quilômetros de margens de reservatórios de água doce, como hidroelétricas, lagos e lagoas, além do clima ameno, o Brasil ainda não aproveita sua grande vocação para o Turismo Náutico. Com a inauguração da marina, pretende-se, que essa realidade nacional desapareça de Búzios.

Segundo o Ministério do Turismo, os turistas náuticos com embarcações próprias são os que mais gastam com alimentação, compras, passeios e lazer durante as viagens. Também geram postos de trabalho ao contratar serviços de manutenção e marinheiros. Com mais essa unidade, o grupo BR Marinas conta agora com sete marinas em operação, e todos os associados podem utilizar o novo empreendimento. O espaço também será aberto ao público e pode receber barcos à vela, motor, stand up paddle, qualquer atividade náutica, produto de desporto ou turismo.

– Agora o navegante encontra em Búzios uma marina organizada com todos os serviços receptivos que permitem a logística do passeio, completou o prefeito.

A obra de revitalização contou com a dragagem dos canais que estavam assoreados para ampliação do calado para 2,5 metros de profundidade e alargamento para 30 metros. A nova geografia na parte continental de Búzios faz parte de um projeto muito mais amplo, com a abertura de vias de acesso e obras de infraestrutura com redes de água, esgoto e energia, para a construção de um novo bairro que se estenderá por uma área com mais de 6 milhões de metros quadrados.

Aretê, que em grego significa “busca pelo melhor, excelência, virtude”, será um bairro com vilas, lotes, casas e condomínios assinados por grandes arquitetos. Hoje, além da marina, o bairro já conta com serviços de aeroporto e campo de golfe. Para 2018 está prevista a construção das primeiras casas e vilas, além de dois clubes. Com todas as suas características o projeto deverá estar concluído ao longo de 10 anos.

– A prefeitura está acompanhando de perto todo o andamento do projeto. Temos reuniões semanais com os empreendedores. Estas iniciativas são fruto de maturação em conjunto, força empresarial e apoio governamental, o que resulta em benefícios sociais e econômicos para a nossa cidade, concluiu André Granado.

O prefeito de Búzios, André Granado, durante a inauguração na marina neste sábado

Localizada na Rasa, a marina faz parte de um projeto muito mais amplo, que será referência mundial

Agora o navegante encontra em Búzios uma marina organizada com todos os serviços receptivos que permitem a logística do passeio

Compartilhe:
Comentar

ViaLagos opera em esquema especial para o feriado da Consciência Negra

A partir de hoje (17/11), a CCR ViaLagos estará com as suas equipes e viaturas reforçadas para atender ao aumento do fluxo de veículos na rodovia durante o feriado da Consciência Negra (20 de novembro), na próxima segunda-feira-feira. A expectativa é que 125 mil veículos passem pela ViaLagos durante o período (ver abaixo). Os dias de maior fluxo na ida para a Costa do Sol serão a sexta-feira e o sábado, quando são esperados 27 mil e 29 mil veículos, respectivamente.

Serão cinco dias de operação especial, com todo o efetivo do SOS Usuário Médico e Mecânico da Concessionária atuando 24 horas em regime de plantão. Para garantir ainda mais rapidez nos atendimentos e na liberação das pistas em caso de ocorrências, as equipes ficarão baseadas em pontos estratégicos da rodovia com viaturas de inspeção, guinchos e ambulâncias UTI e de resgate.

A ViaLagos também conta câmeras de monitoramento do tráfego ao longo da via e três bases de atendimento ao usuário: duas localizadas no sentido Região dos Lagos, nos quilômetros 22 (Rio Bonito – ao lado da praça de pedágio) e 40 (Araruama), e uma no sentido Rio de Janeiro, no km 56 (São Pedro da Aldeia). Nesses locais, há equipes e viaturas da Concessionária, e banheiros 24h.

Durante todo o feriadão, a Polícia Militar Rodoviária intensificará as fiscalizações na rodovia com radares móveis para coibir o excesso de velocidade e proporcionar mais segurança. Os locais de fiscalização estarão devidamente sinalizados. Painéis eletrônicos de mensagens orientarão sobre as fiscalizações, segurança e eventuais incidentes na ViaLagos.

Na volta do feriadão, a previsão é de que 32 mil veículos passem pela ViaLagos na segunda e outros 19 mil, na terça-feira (21/11).

Previsão de fluxo de veículos na ViaLagos para o feriado (Sentidos Rio de Janeiro e Costa do Sol):

Sexta-feira (17/11): 27 mil veículos

Sábado (18/11) – 29 mil veículos

Domingo (19/11) – 18 mil veículos

Segunda-feira (20/11) – 32 mil veículos

Terça-feira (21/11) – 19 mil veículos

Total: 125 mil veículos

Compartilhe:
Comentar

Cabo Frio deve receber cerca de 60 mil turistas neste feriado

As praias, ruas e pontos turísticos de Cabo Frio devem ficar movimentados neste feriado de Finados. De acordo com a Secretaria de Turismo, cerca de 60 mil visitantes estarão aproveitando os dias de recesso na cidade. Uma série de atividades culturais será desenvolvida para garantir o entretenimento de turistas e moradores.

Segundo a presidente do Cabo Frio Convention Bureau, Maria Inês Oliveros, na rede hoteleira a ocupação para o feriadão de Finados está na média de 95%. “Embora seja um feriado de cunho mais religioso, a maioria dos hotéis e pousadas da cidade estão com ocupação máxima. Na verdade, esse é um quadro bastante positivo que vem se repetindo ao longo dos últimos feriados prolongados, e que tende a melhorar ainda mais daqui pra frente com o resultado da Feira Internacional de Turismo que acabamos de participar em Buenos Aires, na Argentina”, comentou Maria Inês.

De acordo com coordenador de Operação do Sistema de Estacionamento Rotativo Pago (Coserp), Leonardo Mendes, a previsão é que o Terminal Municipal de Ônibus de Turismo receba cerca de 120 a 150 veículos entre ônibus, microônibus e vans.
“Embora Finados não seja um feriado comercial, estamos felizes em ver essa grande movimentação na rede hoteleira cidade. Isso é fruto de um trabalho que estamos desenvolvendo desde o início do ano junto com todo o trade turístico, e que deve render ainda mais frutos nos próximos feriados prolongados e na alta temporada”, comentou a secretária de Turismo, Fabíola Bleicker.

Para fazer a diversão dos moradores e turistas, uma série de atividades culturais foi preparada para os quatro dias de recesso. As atrações estão agendadas para o Charitas, o Horto Municipal, Solar dos Massa e Forte São Mateus. A programação completa pode ser conferida no site da prefeitura.

A praia do Forte ainda é a maior atração, mas atividades culturais também vão garantir o entretenimento de turistas e moradores

Compartilhe:
Comentar
Assine o RSS
Publicidade
Publicidade
?>