Publicidade

Jornal do Brasil

Blog do Reinaldo - JBlog - Jornal do Brasil

China mantém posição de segundo maior produtor mundial de vinho

Ontem foi divulgado o balanço do 40º Congresso Mundial da Vinha e do Vinho, o diretor geral da Organização Internacional do Vinho (OIV) Jean Marie Aurand divulgou os números globais do setor vinícola. A superfície plantada é hoje de 7,5 milhões de hectares e a produção de uvas atingiu 75,8 milhões de toneladas em 2016. A produção foi de 267 milhões de hectolitros e o consumo de 241 milhões de hectolitros. O vinhedo chinês segue crescendo (+ 17000 ha entre 2015 e 2016) atingindo um total de 0,84 milhão de hectares. Em primeiro lugar está a Espanha com quase 0.98 milhão de ha e a França em terceiro com 0,79 milhão de ha.

A produção de vinho em 2016 caiu 3% em comparação com 2015 devido a condições climáticas difíceis em diferentes países. O ranking ficou assim: Itália 50,9 milhões hl, França 43,5 milhões hl e Espanha com 39,3 milhões hl ocupam as três primeiras posições. Na América do Sul Chile 10,1, Argentina 9,4, Brasil 1,6, sempre em milhões de hectolitros, tiveram queda na produção devido ao clima. O Brasil é o 16º maior produtor de uvas, incluindo as de mesa.

Os maiores consumidores são os EUA, França, Itália, Alemanha e a China. O Brasil consumiu 3,3 milhões de hectolitros e tem um consumo per capita de 2 litros, na frente da China que tem apenas 1,4, mas bem atrás do líder Portugal com 54, dos vizinhos argentinos com 31,6 litros por pessoa ou mesmo do Chile que tem um consumo de 14,7. Santé.

O gráfico mostra as 5 principais variedades de uvas dos principais países produtores. Percebe-se a força da diversificação italiana. Louvável.

Compartilhe:
Comentar

Comentar:

?>