Publicidade

Jornal do Brasil

Blog do Reinaldo - JBlog - Jornal do Brasil

Chegou a coleção primavera-verão dos vinhos franceses

A coleção primavera-verão não é uma exclusividade da alta-costura. Na França com o sol chegando depois de um longo e ” tenebroso” inverno é hora de abrir as portas dos châteaux e domaines para os consumidores e turistas. Mostrar a nova safra é primordial. O enoturismo é uma atividade complementar e importante da receita dos vinhateiros. Afinal, é na venda direta ao consumidor que o produtor tem uma maior margem.
Nesta sexta-feira, aqui perto de casa, quem abre as portas é o Château Vieux Moulin, um Corbières do terroir de Lézignan. Os vinhos de Alexandre They são de grande personalidade. No Brasil pode ser encontrada a safra 2012 do Corbières tinto Vox Dei, 91 pontos no guia de Robert Parker, a R$134 e o Les Ailes, o top da propriedade, com 93 pontos RP por R$199, ambos no site da importadora Grand Cru.
Ainda na sexta-feira um evento com jazz ao vivo no santo ambiente da Abadia de Fontfroide. Lá além da boa música os grandes vinhos de Fontfroide, que já esteve no Brasil pelas mãos da Wine Mundi, Ollieux Romanis, um clássico do Corbières-Boutenac, o muito bom Château La Bastide que era trazido pela Decanter e ainda a cooperativa Cellier de l’Aussou. Os vinhos são grátis e o pratinho de tapas custa 12€. Que beleza.
No sábado tem o evento da muito boa cooperativa de Castelmaure que produz principalmente vinhos de Corbières, mas ser um enclave entre o Fitou marítimo e o Fitou de interior. Seu território é o alto Corbières, terroir de Durban o que vai-lhe trazer uma maturidade tardia e mais frescor. Suas cuvées de referência são a Pompadour e a ambicionada número 3. Na programação lançamento do livro que conta a história desta cooperativa que nasceu no começo do século XX. Domingo é a festa dos profissionais na Vinexpo em Bordeaux.Santé.

Compartilhe:
Comentar

Comentar:

?>