Publicidade

Jornal do Brasil

Blog do Reinaldo - JBlog - Jornal do Brasil

Os Cru Classés de Graves

Escrevi na coluna anterior que os Crus Classés de Graves são na verdade de Pessac-Léognan. Graves é o berço histórico dos vinhos de Bordeaux. Mas somente em 1953 o terroir de Graves vai ser elevado à categoria mais alta da hierarquia. Paradoxalmente o Château Brion é um Premier Cru Classé desde 1855 quando a classificação dos Crus Classés surge.

Graves é o nome de um tipo de solo pedregoso que deu origem ao nome da denominação que fica às portas de Bordeaux. As videiras chegaram à região na Alta Antiguidade e se estendeu para o sul. A geologia e o microclima favoráveis levaram os romanos a produzir vinhos na região. Os tintos são elegantes e complexos com uma grande tipicidade e oferecem grandes brancos secos com enorme capacidade de envelhecimento. Hoje os Crus Classés de Graves ocupam 10% do vinhedo de Graves.

No jantar de abertura da Vinexpo o tinto de Haut Brion 2000, garrafa magnum, levado pelas mãos do príncipe Robert de Luxemburgo foi um dos destaques. Mas o Carbonnieux branco 2011, dos anfitriões, também em garrafa Magnum, chamou bastante a atenção dos convidados. Se as safras dos tintos iam de 1995 a 2010 os brancos se contentaram com as safras 2011, 2012 e 2013. Santé.

 

Compartilhe:
Comentar

Comentar:

?>