Publicidade

Jornal do Brasil

Blog do Reinaldo - JBlog - Jornal do Brasil

Borgonha – Pouilly-Fuissé quer ter seus Premiers Crus

Depois de dez anos de esforços os viticultores da denominação de origem Pouilly-Fuissé em Saône-et-Loire, Borgonha, depositaram junto ao INAO, Instituto Nacional da Denominações de Origem, um pedido formal de reconhecimento de cerca de 22 climas, terroirs como se diz na região, de Premiers Crus, a segunda maior da hierarquia borguinhona. No total seriam 182 hectares que representariam 23% da denominação.

A mais nobre das DOCs de Macôn, Pouilly-Fuissé, é um Village com quatro vilarejos Vergisson, Solutré-Pouilly, Fuissé e Chantré. O projeto deve muito à Fréderic-Marc Burrier proprietário do Château de Beauregard em Fuissé. Na Borgonha as denominações Regionais representam metade da produção, as Villages mais de um terço, os Premiers Crus 10% e os Grands Crus 1,3% apenas. Desde 2007 à frente dos estudos e dirigindo um grupo que levou este desejo até ao INAO. Para preparar o dossiê a consultoria Sigales realizou uma análise cartográfica detalhada dos 800 hectares de Pouilly-Fuissé e de seus 217 climas. Mas também critérios de condução do vinhedo e degustativos foram utilizados. Outros Villages estão mais atrasados e ainda em fase de preparação de projeto como Pouilly-Loché, Pouilly-Vinzelles e Saint Véran. Se tudo der certo a safra 2019 já terá a menção Premier Cru em Pouilly-Fuissé. A luta continua. Santé.

Este gráfico bem interessante mostra com clareza a hierarquia da Borgonha e a média de produção entre 2008 e 2012. Fonte Le Bourguignon.

Para entender a Borgonha:

23 Denominações Regionais como: Mâcon Villages, Bourgogne Alligoté, Coteaux Bourguignons,…

44 Denominações Villages como: Poully Fuissé, Mercurey, Pommard, Nuits Saint Georges,…

645 climas classificados em Premier Cru – como Fixin Premier Cru, Vougeot Premier Cru,…

33 Grands Crus sendo um em Chablis.

 

Compartilhe:
Comentar

Comentar:

?>