Publicidade

Jornal do Brasil

Blog do Reinaldo - JBlog - Jornal do Brasil

Espumante IGP francês vai concorrer com Cava e Prosecco

O Comitê Nacional dos IGP vitícolas do INAO, Institut National de l’Origine et la Qualité, órgão público, aprovou o caderno de encargos para a criação de quatro IGPs (Indicação Geográfica Protegida) para vinhos espumantes. São elas IGP Comté Toulousan no Sudoeste, próximo à Toulouse, IGP Coteaux de l’Ain, na Savóia próximo ao lago de Bourget, IGP Pays d’Oc no Languedoc Roussillon e ainda IGP Allobroges também na Savóia. Caso o Ministério da Agricultura publique o decreto do caderno de encargos até dezembro dia 12 às 12 horas, último momento para a declaração de colheita de 2017, poderemos ter os primeiros IGP espumante nascendo na safra 2017.

Há uma grande oposição da Federação dos produtores de Crémants, os AOPs espumantes franceses, que não vêm com bons olhos este novo concorrente. Hierarquicamente superiores os Crémants e Blanquette, método tradicional sempre, terão os IGP entre eles e os atuais vin mousseux de qualité (vinho espumante de qualidade) e vin mousseux (vinho espumante) podendo ser tanto de método tradicional como charmat, tal qual os futuros IGPs. O fato de ser um IGP o valorizaria. Por outro lado, eles devem ter preços menores e permitir aos vinhateiros concorrer com melhores armas frente aos Cavas e Proseccos. Santé.

Compartilhe:
Comentar

Comentar:

?>