publicidade

Jornal do Brasil

Faixa Preta – JBlog – Jornal do Brasil

INGRESSOS PARA O UFC 163 – ALDO VS PETTIS À VENDA NESTA QUARTA-FEIRA, DIA 12, A PARTIR DAS 20H

O Ultimate Fighting Championship® volta ao Rio de Janeiro no dia 3 de agosto, na HSBC Arena, com a disputa pelo cinturão Peso Pena entre o campeão José Aldo e o desafiante Anthony Pettis. Os fãs também terão a chance de assistir ao ídolo Meio-Pesado Lyoto Machida pela primeira vez no Brasil, enfrentando o americano Phil Davis. Invicto na categoria Meio-Médio, Demian Maia enfrenta Josh Koscheck. O UFC 163 – Aldo vs Pettis ainda vai entrar para história com a primeira luta feminina da organização no Brasil, entre a baiana Amanda Nunes e a alemã Sheila Gaff. O evento terá início às 19h15, com o card principal previsto para as 23h. A abertura dos portões ao público acontecerá às 17h30.

A pré-venda dos ingressos para clientes HSBC começa nesta terça-feira, dia 11 de junho, às 18h. Para os fãs em geral, a venda dos bilhetes será a partir das 20h desta quarta-feira, dia 12, pelo site www.ticketsforfun.com.br, nos pontos de venda T4F, pela Central de Relacionamento Tickets for Fun 4003-5588 ou na bilheteria do HSBC, no dia do evento.

Os ingressos estarão divididos pelos setores: Arquibancada (R$ 290 / R$ 145 – meia-entrada); Cadeira Especial (R$ 850 / R$ 425 – meia-entrada); Cadeira Premier (R$ 1.400 / R$ 700 – meia-entrada); Octógono Premier (R$ 1.600 / R$ 800 – meia-entrada) e Pessoas com Deficiência (R$ 145).

Os fãs poderão comprar 04 ingressos por CPF, sendo somente um de meia-entrada. Haverá uma taxa de entrega por compra – independente do número de bilhetes adquiridos e variável de acordo com os preços de Sedex praticados em cada praça – caso deseje receber em casa. Não há taxa de conveniência. Pessoas com Deficiência devem comprar seus ingressos exclusivamente através do número 4003 5588.

O UFC 163 – Aldo vs Pettis marca o retorno do campeão José Aldo ao Rio de Janeiro após um nocaute no primeiro round sobre Chad Mendes no UFC Rio 2, em janeiro de 2012. Na ocasião, Aldo correu para a arquibancada e se jogou nos braços da torcida, numa comemoração apoteótica. Posteriormente, o campeão ainda defendeu seu cinturão no UFC 156, em Las Vegas, derrotando Frank Edgar por decisão unânime e ganhando o prêmio de luta da noite.

Já o meio-pesado Lyoto Machida recuperou-se bem da derrota para Jon Jones, obtendo vitórias importantes sobre Ryan Bader e Dan Henderson. Hoje, ocupa a primeira posição no ranking da categoria, abaixo apenas do campeão Jones. Seu adversário, o americano Phil Davis vem de duas vitórias sobre brasileiros: Wagner “Caldeirão” Prado, no UFC Rio 3, e Vinny Magalhães, no UFC 159.

Outro que ocupa posição de destaque é Demian Maia. Desde que mudou para a categoria Meio-Médio, o brasileiro acumula três vitórias em três lutas. É com esse cartel que ele chega para a luta contra o americano Josh Koscheck, que já desafiou o campeão George St-Pierre em 2010 e atualmente é top 10 no ranking da categoria.

Card do UFC 163 – Aldo vs Pettis*

Jose Aldo vs Anthony Pettis
Lyoto Machida vs Phil Davis
Demian Maia vs Josh Koscheck
Cezar “Mutante” Ferreira vs Clint Hester
Vinny Magalhaes vs Anthony Perosh
Amanda Nunes vs Sheila Gaff
Sergio Moraes vs Neil Magny
Thales Leites vs Tom Watson
Rani Yahya vs Josh Clopton
Ednaldo “Lula” Oliveira vs Robert Drysdale
Iliarde Santos vs Ian McCall

John Lineker vs Phil Harris

Viscardi Andrade vs Bristol Marunde

*Card sujeito a alterações

DIVISÃO DE SETORES

SETOR
ASSENTO MARCADO
INTEIRA
MEIA
Octógono Premier
SIM
R$ 1.600
R$ 800
Cadeira Premier
SIM
R$ 1.400
R$ 700
Cadeira Especial
SIM
R$ 850
R$ 425
Arquibancada
NÃO
R$ 290
R$ 145
Pessoas com deficiência
NÃO
R$ 145


Compra de ingressos por CPF e Meia-entrada:

Haverá limite de 4 ingressos por CPF no ato da compra, com limitação de 01 ingresso de meia-entrada. O comprovante que dá direito à meia-entrada deve ser apresentado na retirada do ingresso e na entrada do evento. O ingresso de meia-entrada será nominal e conterá o número do documento de identidade do beneficiado.

Terão direito à meia-entrada todos os brasileiros estudantes (ensino fundamental, médio e superior da rede pública e particular bem como cursos profissionalizantes, técnicos ou politécnicos matriculados em instituições de ensino localizadas no Município do Rio de Janeiro), professores da Rede Pública Estadual e Municipal, idosos, jovens de até 21 anos e portadores de deficiência. No caso de estrangeiros, somente terão direito ao benefício da meia-entrada se estiverem matriculados em alguma instituição de ensino do Brasil.

Classificação etária:

Menores de 18 anos apenas acompanhados dos pais ou responsáveis legais (pai, mãe, tutor ou guardião, comprovado documentalmente e; demais ascendentes ou colateral até o quarto grau, desde que maior de 18 anos, comprovado documentalmente). Esta determinação poderá ser alterada a qualquer momento pelo Juiz de Direito da Vara da Infância, da Juventude e do Idoso.

Documentos:

Idosos (com idade igual ou superior a 60 anos):

Documento de identificação civil oficial com foto que comprove idade igual ou superior a 60 anos.

Estudantes:

Carteira de identificação estudantil expedida pelo correspondente estabelecimento de ensino e/ou pela associação estudantil e/ou pela agremiação estudantil a que pertença o estudante, dentro do prazo de validade. Caso no documento não conste o prazo de validade, deverá ser apresentado documento que comprove a matrícula ou frequência no ano letivo em curso.

Somente o boleto bancário sem documento com foto não será considerado documentação hábil para comprovar a condição de estudante.

Professores da Rede Pública Municipal de Ensino:

Carteira funcional emitida pela Secretaria Municipal da Educação.

Jovens de até 21 anos de idade:

Documento de identificação com foto expedido pelos órgãos públicos.

Pessoas com Deficiência:

Cartão eletrônico utilizado para a gratuidade do Sistema de Transporte Público do Município do Rio de Janeiro (vale transporte) ou comprovação, no ato da compra, de alguma das deficiências listadas no art. 2º da Lei Municipal nº 4.333/2006, transcrito abaixo:

Meia-Entrada:

O documento comprobatório para o benefício da meia-entrada deverá ser apresentado no ato da compra, na retirada do ingresso nas bilheterias e no acesso ao evento, de modo a comprovar o efetivo direito ao benefício.

O consumidor que não apresentar documento válido para o benefício conquistado não poderá acessar o evento e não terá direito a reembolso do valor pago pelo ingresso ou qualquer tipo de ressarcimento ou compensação.

Não será permitida a compra de duas meias-entradas para substituir uma entrada inteira.
Entrega e retirada dos ingressos:

O fã do UFC poderá optar por receber o ingresso na sua casa, sendo que a taxa de entrega por compra – independente do número de ingressos adquiridos – será variável de acordo com os preços de Sedex praticados em cada praça.

A retirada em pontos oficiais da Tickets for Fun (relação em www.ticketsforfun.com.br) poderão ser feitas a partir do dia 19 de junho e entregas em domicílio a partir do dia 26 de junho. No caso da retirada nos pontos oficiais, não será cobrada taxa de entrega. A bilheteria oficial na HSBC Arena começa a funcionar dia 01 de agosto e ficará aberta até o dia do evento, com horário de funcionamento até duas horas antes da abertura dos portões evento. Na quinta e sexta (dias 01 e 02) o horário será das 10h às 18h.

Assentos marcados:

Somente os setores Octógono Premier e Cadeira Premier terão lugar marcado no UFC 163 – Aldo vs. Pettis.

Postado por oscardaniotti às 19:23

Nenhum comentário

Compartilhe:

THE ULTIMATE FIGHTER® BRASIL 2 FINALE SERÁ PRIMEIRO EVENTO CARBONO ZERO DO UFC

O Ultimate Fighting Championship® e o Governo do Estado do Ceará promoveram nesta sexta-feira, dia 07, uma cerimônia de plantio de árvores como parte de uma iniciativa que vai fazer do The Ultimate Fighter® BRASIL 2 FINALE: NOGUEIRA vs WERDUM um evento totalmente livre de carbono. O UFC® oficializou sua participação no programa do Governo para compensação das emissões de carbono, conhecido como Ceará Carbono Zero, no Dia Mundial do Meio Ambiente, no Parque do Cocó, em Fortaleza.

Em 2011, o Governo do Estado do Ceará adotou uma política de emissões de carbono, conforme as diretrizes do Ceará Carbono Zero. O programa tem ênfase no apoio a investimentos em fontes de energia renovável (especificamente, solar e eólica), a proteção da biodiversidade da Caatinga, a implementação de uma política de resíduos sólidos, bem como um conjunto de esforços para mitigar e compensar as emissões. O Governo do Estado estabeleceu um conjunto de ações voltadas para compensar o dióxido de carbono (CO2) produzido em grandes eventos que vão acontecer no Ceará ao longo dos próximos anos, como a Copa do Mundo da FIFA, a Copa das Confederações e o evento do UFC neste sábado, dia 08.

O programa do Governo do Estado desenvolve um inventário de todas as emissões de carbono do evento, incluindo as viagens do público ao ginásio, o cálculo das emissões totais de gases de efeito estufa – com base no Protocolo de Gases de Efeito Estufa aprovado pelas Nações Unidas, ajustado às condições ambientais da região – e a compensação das emissões através do plantio de árvores, usando espécies nativas como forma de proteger e preservar o ecossistema local.

“Como um líder mundial em esportes, o UFC está feliz em promover a conscientização e ajudar ainda mais essa ação ambiental do Governo do Estado”, disse Lorenzo Fertitta , CEO da Zuffa, LLC, dona do UFC. “Com atletas de todos os cantos do mundo e os fãs de todo o mundo, estamos orgulhosos de fazer parte de uma iniciativa que reduz a ‘pegada’ de carbono de eventos esportivos.”

O meio pesado do UFC Glover Teixeira, o meio médio Demian Maia e a Octagon Girl Camila Oliveira participaram da cerimonia de plantio de espécies de árvores nativas ao lado de representantes do governo no Parque Cocó. Eles plantaram as árvores Ipê-Amarelo-de-jardim (Tecoma stans), Jurema-Branca (Pithecellobium diversifolium) e Catanduva (Piptadenia moniliformis). As árvores restantes serão plantadas numa área ambientalmente sensível definida pelo Estado do Ceará.

“Nós estamos felizes de saber que a nossa participação neste programa do Governo vai fazer uma diferença de verdade”, disse Glover Teixeira. “Venho da roça e sei da importância do meio ambiente e de tudo que nele é produzido para as famílias que vivem por lá. O Ceará Carbono Zero é uma grande oportunidade para o UFC retribuir àqueles que nos recebem de braços abertos e apoiam nossos eventos.”

Postado por oscardaniotti às 9:51

Nenhum comentário

Compartilhe:

Publicidade
Assine o RSS
Publicidade