publicidade

Jornal do Brasil

Faixa Preta – JBlog – Jornal do Brasil

Rede Globo e UFC anunciam acordo de transmissão exclusiva

Anderson Silva vs Okami no UFC Rio.

Agora, sim, o preconceito foi quebrado de vez. Podemos lembrar da clássica história da “Branca de Neve”: espelho espelho meu, existe algum esporte mais violento que o meu? O MMA, graças ao mega-evento UFC, derrubou o preconceito que perdurou durante anos no Brasil, berço do  MMA.
Digo quebrou o preconceito porque a poderosa Rede Globo chega até em tribo indígena, fato que o pay per view só chega aos mais favorecidos. Quem é o grande responsável por essa imensa conquista? Acho que todos nós, que fazemos a comunicação do esporte, temos uma parcela nesta vitória.  Mas, jamais podemos esquecer que quem abriu os olhos dos mais poderosos da mídia brasileira foi a REDE TV! Muito obrigado!
Em setembro de 1996, quando comecei a trabalhar com luta, o MMA ainda era denominado de Vale Tudo e luva era coisa de frouxo, pois vale tudo que se preza, era aquele de mão limpa. Presenciei muitas lutas neste meu currículo, dedicado ao esporte, e também vi muitas manifestações para destruir o MMA (Vale-Tudo). Vocês lembram do Pentagon Combate, no Tijuca Tênis Clube, que culminou com a proibição do Vale Tudo, no Rio de Janeiro? Voaram cadeiras!
Enfim, a Rede Globo e o Ultimate Fighting Championship (UFC) anunciaram, nesta quinta-feira, dia 27, um acordo de transmissão exclusiva da programação do UFC. A Globo vai ter  exclusividade para exibir, ao vivo, todos os eventos do UFC, no Brasil,   e três do exterior, além da primeira edição brasileira do reality show The Ultimate Fighter (TUF).
O lutador brasileiro que inaugura essa nova fase é Junior Cigano, que vai enfrentar  Caim Velasquez, na esperada luta entre pesos pesados, dia 12 de novembro, em Anaheim, na Califórnia, com transmissão da TV GLOBO.  Quem diria!

Postado por oscardaniotti às 12:57

8 Comentários

Tags: , ,

Compartilhe:

Publicidade
Assine o RSS
Publicidade