RSS Feeds

Chico Xavier ao alcance de todos

Chico Xavier em quadrinhos CAPA

Os espíritas dizem que não existem coincidências. Mas o fato é que a versão em quadrinhos da vida de Chico Xavier foi lançada em boa hora, no ano em que o médium mineiro completaria 100 anos. O projeto começou anos atrás com Franco de Rosa, que tinha em mente a idéia de fazer uma HQ sobre o espiritismo. Ele não se considera um espírita, pois é preciso muita dedicação e disciplina para tal.

---- Também não sou um mero curioso. Estudo o Espiritismo de Kardec. Faz anos que sou ligado ao assunto e já escrevi dezenas de matérias a respeito. Assim como editei alguns livros e revistas sobre Chico Xavier. --- explica o escritor. --- A proposta para realizarmos este livro partiu da Ediouro.

Apesar do título A Vida de Chico Xavier em quadrinhos, apenas metade do livro tem o formato de histórias em quadrinhos, a outra metade é composta de texto sobre o médium, o espiritismo, seu codificador Allan Kardec e algumas psicografias. Isso poderia desapontar alguns leitores, sobretudo os que já conhecem a vida e a obra do médium? Não na opinião de Márcia Batista, editora da Ediouro:

----- A nossa intenção foi fazer uma biografia, e sim uma novela gráfica com os fatos mais relevantes. É um produto inédito que pode atrair o público leitor dos livros.

E foi pensando no público que Franco de Rosa escreveu o livro, que está disponível numa versão grande (21x28 cm) e outra de bolso.

----- O objetivo desta obra foi sermos mais compactos, ligeiros. Atender ao leitor de hoje, que só lê mensagens em celular e na internet. Mas não quisemos fazer uma historieta infantil, colorida, na linha do Mauricio de Sousa. E sim um quadrinho maduro.

Maturidade esta representada pelo desenhista argentino Rodolfo Zalla, que em 2010 chega aos 80 anos de idade. Além da afinidade com o artista, Franco destaca a técnica do desenho em bico de pena utilizada pelo artista.

----- Escolhi Zalla porque ele respeita sempre as locações e toda a construção pictórica que envolve uma história em quadrinhos realista. É um gênio do traço acadêmico, que, graças a Deus vive no Brasil desde 1964.

Chico Xavier em quadrinhos fragmento

Em se tratando de um produto diferenciado, o livro é vendido em livrarias, bancas de jornal e centros espíritas. Também ganhou um hot site exclusivo. Ainda haverá uma grande divulgação no ambiente virtual, como explica Newton Neto, diretor executivo da Singular, empresa que presta serviços digitais para o mercado editorial, tendo o maior grupo editorial do país como principal cliente.

--- Faremos uma ampla ação de divulgação em redes sociais e no novo portal de conteúdo da Ediouro que entrará no ar em 20 dias. Vamos também oferecer o conteúdos via SMS, da mesma forma que fazemos com um guia da copa.

Formada em Letras, Márcia se anima com a possibilidade de futuramente lançar uma versão digital (e-book), mas destaca a importância do livro tradicional.

--- É bacana ter a opção digital, mas o primeiro canal é sempre o impresso. Uma coisa complementa a outra, não substitui.

Atualmente, autores e editoras travam uma batalha na Europa em torno dos quadrinhos lançados apenas para ler em suportes digitais. Uma vez que as editoras não terão mais custos com impressão, distribuição e vendas, os autores reivindicam um aumento na sua participação sobre os direitos autorais, de 10% para 50%.

------ No caso do livro sei que cada exemplar deve dar dividendos ao autor, que cria para o editor, que paga o autor, a gráfica e ao distribuidor, que coloca o livro no país inteiro, ao livreiro, que compra o livro e coloca em sua loja, e ao vendedor, que atende o leitor. --- explica Rosa, destacando que na internet o marketing é muito importante --- Devido ao crescente volume de produtos que possui, a internet está se tornando um verdadeiro palheiro. Difícil de encontrar a agulha que a gente quer.

Falando em números, houve uma preocupação da editora em também tornar o livro impresso acessível. Em formato de bolso, A Vida de Chico Xavier em quadrinhos custa apenas R$ 9,90. No entanto, apesar da renda dos livros psicografados pelo médium terem sido revertidas para instituições de caridade, neste caso elas não receberão um tostão proveniente das vendas.

Ainda não foi planejada uma exposição com os originais do livro na Federação Espírita Brasileira, mas Franco de Rosa se entusiasma com a ideia.

--- Os originais do Zalla são maravilhosamente apreciados. Suas pranchas, por si só, são grandes aulas de artes plásticas. Quanto a FEB fazer uma exposição como esta seria ótimo. Ou mesmo realizar uma palestra comigo e com Zalla. Nunca falamos tanto de alguma obra nossa quanto esta do Chico Xavier.

Ainda este ano, uma obra psicografada por Chico chegará às telas dos cinemas. Fruto de cinco anos de produção, a versão audiovisual de Nosso Lar foi baseada no livro de 1944, ditado pelo espírito André Luiz, um médico desencarnado que relata sua chegada a uma colônia espiritual. Até o momento a editora não planejou a adaptação para os quadrinhos, apesar dos dois milhões de exemplares vendidos até hoje.

Chico Xavier no JB 15-05-10

Leia também:
Quadrinhos e religião, uma mistura poderosa
Resenhas de livros em quadrinhos com tema religioso

« anterior próximo »

Comentários


Comentários

gabriela enviou em 23/12/2011 as 08:40:

sinpllesmente legal


Comentar

:

:
: